Sejuc recebe espargidores para as unidades prisionais

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 23/12/2017 às 06:20:00

A Secretaria de Justiça e Defesa do Consumidor (Sejuc) recebeu ontem 100 espargidores, equipamentos não letais que servirão para conter possíveis rebeliões nos presídios sergipanos e que não põem em risco a integridade física dos presos e dos agentes e guardas prisionais. Esses equipamentos, que custaram R$ 29.001,00, foram adquiridos com verbas do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen).

“Estamos procurando, a cada dia, oferecer melhores condições de trabalho aos nossos agentes e guardas prisionais que fazem um trabalho muito impecável”, disse o secretário de Justiça, Cristiano Barreto, ao se referir aos espargidores que chegaram à Sejuc nesta manhã.

Desde que assumiu a pasta da Sejuc, em janeiro deste ano, que Cristiano Barreto tem se preocupado em oferecer melhores condições de trabalho aos servidores. Recentemente, por exemplo, ele entregou pistolas para todos os servidores, com o devido porte de arma, atendendo a uma antiga reivindicação da categoria.

A exemplo do que ocorreu com as carabinas adquiridas este ano pela Sejuc que foram entregues ao diretor do Departamento do Sistema Penitenciário (Desipe) Agenildo Júnior, o mesmo será feito com os espargidores. Esses equipamentos serão distribuídos entre os nove presídios do Estado. “Todos que fazem o sistema penitenciário sergipano estão trabalhando o tempo inteiro para que não ocorram rebeliões nas unidades, mas temos que estar sempre preparados para alguma adversidade”, ressaltou Cristiano.