Sergipanos na Corrida São Silvestre

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Delegação sergipana embarcou no dia 26 de dezembro e já está em São Paulo treinando para a 93ª. Corrida de São Silvestre. Foto: Divulgação
Delegação sergipana embarcou no dia 26 de dezembro e já está em São Paulo treinando para a 93ª. Corrida de São Silvestre. Foto: Divulgação

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 28/12/2017 às 20:58:00

Já se encontrem em São Paulo em fase de treinamento, os 42 atletas sergipanos que participarão neste domingo 31, da mais famosa e corrida de rua do Brasil e da América do Sul, a 93ª. Corrida São Silvestre. A presença dos sergipanos na competição conta mais uma vez, com o apoio do governo do estado, através da Secretaria de Estado do Esporte, Lazer e da Juventude (Seel), que disponibilizou um confortável ônibus parta os corredores sergipanos.

- Mais uma vez venho de público agradecer ao Governador Jackson Barreto e ao secretário Antônio Hora Filho, que sentiram a necessidade de Sergipe se fazer presente na competição e liberaram um ônibus confortável, que deixou Aracaju na noite da terça-feira, 26. Todos já estão em São Paulo, fizeram uma boa viagem, passam bem, estão treinando no Parque Ibirapuera. Agora é só esperar a hora da corrida e ver como se comportarão os atletas sergipanos,comentou Orliandes Barros, presidente da Federação Sergipana de Atletismo (FSAt).

Para o secretário Antônio Hora, contribuir com o esporte sergipano em todas as suas vertentes é uma das funções objetivas da Seel. “Daí não poderíamos ficar ausentes e deixar de contribuir com a presença da delegação sergipana, na Corrida de São Silvestre, a corrida de rua mais famosa da América do Sul. Sergipe na São Silvestre é uma tradição de muitos anos. Agora, torço para que um sergipano se destaque na prova, disse o secretário Antônio Hora.

E este ano, Sergipe foi com uma delegação de alto nível, inclusive terá atletas no pelotão de elite. Os atletas Agostinho dos Santos e Jussiane dos Santos,foram indicados para largar no pelotão de Elite B da 93ª Corrida Internacional São Silvestre. Prova de que o atletismo em Sergipe está crescendo e ganhando espaço no cenário nacional. Agostinho e Jussiane, por indicação da FSAt, largarão no pelotão de Etlite B, local de destaque para muitos atletas. Os mesmos são destaques nas corridas de rua de nosso Estado.

Outros nomes de destaque da deleção sergipana são Zita, Messias da boneca, Silvestre, um dos mais idosos a participar da prova de rua em São Paulo, Amaral, Givaldo Lessa, Roniclézio destaque na corrida do 28 BC, Gileide Lessa e Joaquim, da Pé no Chão.

 

Presenças - Alguns dos principais nomes do país confirmaram presença na principal prova de rua da América Latina, com destaque para Giovani dos Santos, quarto no ano passado e Tatiele de Carvalho, sétima em 2016. A largada no domingo, a partir das 8h20, será na Avenida Paulista, altura da rua Frei Caneca, e a chegada em frente ao prédio da Fundação Cásper Líbero.

Principal nome masculino do Brasil na prova, o mineiro Giovani dos Santos chegará mais uma vez como esperança de vitória nacional, o que não acontece desde 2010. Outros nomes fortes no masculino serão Franck Caldeira, campeão em 2006, Wellington Bezerra, bicampeão do ranking da CBAt e quarto na Maratona de São Paulo 2017, Gilberto Lopes, vice na Eu Atleta 10K Rio 2017, Valério Fabiano e Éderson Pereira, entre outros.

Já entre as mulheres, as atrações serão Tatiele de Carvalho, melhor brasileiro no ano passado, Joziane Cardoso dos Santos, campeã na Pampulha em 2014 e da Eu Atleta 10K Rio deste ano, Andréia Hessel, terceira na Meia de São Paulo e na Eu Atleta 10K Rio, e quinta na Maratona de São Paulo, todos neste ano, e Adriana Aparecida Silva, vice-campeã da Meia Maratona de São Paulo 2017.

Percurso - O percurso deste ano teve ajustes, para aumentar a área de dispersão. O primeiro deles é na largada, que será próximo à Rua Frei Caneca, à frente do local do ano passado. O outro foi no Centro, na região do Largo do Arouche. Saíram do percurso as ruas Sete de Abril e Dr. Bráulio Gomes. O percurso de 15 km foi implantado em 1991.