Delegacias plantonistas fazem 45 prisões no feriado

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 03/01/2018 às 05:58:00

Da noite de sexta-feira, 29 de dezembro, até o início da manhã desta terça-feira, foram registradas 45 prisões nas delegacias plantonistas da capital e do interior. Entre os registros, foram computadas prisões pelos crimes de embriaguez ao volante, roubo, furto, receptação, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e tentativa de homicídio, corrupção de menores, lesão corporal, violência doméstica e roubo majorado. Foram 30 prisões na capital e 15 no interior do estado.

Um dos casos foi o de um homem autuado em flagrante por lesão corporal, ameaça e dano após desferir agressões verbais e físicas contra a mãe dele e uma amiga dela. O caso ocorreu no bairro Santa Maria (zona sul), na noite de segunda-feira. O acusado foi detido e encaminhado à Delegacia Plantonista Sul, onde mesmo nas dependências da unidade policial continuou realizando ameaças.Segundo as informações, o acusado é usuário de drogas e teria chegado à residência sob o efeito de álcool e entorpecentes; e começou a dizer que o irmão tinha sido assassinado e a culpa era da própria mãe, fato que não era verídico. Em seguida, o homem iniciou agressões verbais e proferiu ameaças.

Ao sair da casa, se dirigiu até a residência de uma amiga da vítima, onde continuou proferindo agressões verbais e jogando pedras no telhado. Com a chegada da mãe do acusado até o local, o homem tentou agredi-la fisicamente, mas foi contido pela vítima, pelo companheiro e pela filha dele. Ainda assim, em virtude da força empreendida pelo acusado, a vítima sofreu ferimentos em decorrência de uma queda.Durante as agressões, o acusado ainda danificou objetos, telhado e portão da casa onde reside a amiga da vítima. Uma equipe policial o prendeu e o conduziu até a Delegacia Plantonista Sul.