Prefeitura discute elaboração do Plano Municipal de Habitação

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 05/01/2018 às 05:39:00

O prefeito Edvaldo Nogueira, a vice-prefeita Eliane Aquino e parte do secretariado reuniram-se nesta quinta-feira para discutir a elaboração do Plano Municipal de Habitação. Além de fazer uma ampla análise da situação de Aracaju em relação ao tema, ficou definida a criação de um comitê que irá formatar a criação de um núcleo de habitação e para tratar de soluções para o déficit habitacional da cidade.

A vice-prefeita e secretária da Assistência Social, Eliane Aquino; o secretário de Planejamento, Augusto Fábio, e o presidente da Empresa Municipal de Obras e Urbanização, Sérgio Ferrari, fizeram uma exposição sobre as demandas de cada pasta em relação à política habitacional, apresentando dados relacionados a ocupações irregulares no município, habitações que precisam passar por regularização fundiária e os custos gerados atualmente com o auxílio-moradia, que, neste ano, chegou a quase R$ 5 milhões.

“O diagnóstico apresentado pelas secretarias nos mostra que a situação em relação à habitação exigirá soluções criativas, uma vez que a prefeitura não tem condições financeiras de arcar com a construção de unidades habitacionais com recursos próprios, ao mesmo tempo em que houve uma redução significativa dos programas federais de casas populares. Por isso, temos que encontrar alternativas viáveis, e, para isso, vamos criar um comitê que irá estudar as possibilidades de atuação do nosso governo nesta área”, afirmou o prefeito.

O comitê que irá formatar a criação do Núcleo de Habitação da prefeitura e que irá abordar alternativas de enfrentamento ao problema será coordenado pelo chefe de gabinete do prefeito, Renato Teles, e terá como integrantes os secretários Eliane Aquino, Augusto Fábio, Sérgio Ferrari e Carlos Cauê.