Homem é baleado e atropelado: 16 homicídios no IML

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 13/03/2018 às 00:24:00

 

Um total de 16 assassinatos foram registrados durante o final de semana na capital e no interior do estado, segundo dados do Instituto Médico-Legal (IML). Ao todo, foram 13 homicídios por arma de fogo e outros três por arma branca, sendo a sua maioria ocorrida em Aracaju, São Cristóvão e Nossa Senhora do Socorro. 
O caso que mais chamou a atenção foi a morte de Alex Santos Silva, 24 anos, que foi baleado e atropelado na avenida Hermes Fontes, bairro Grageru(zona sul de Aracaju). Segundo testemunhas, ele saía de um bar na madrugada deste domingo, onde acontecia um show, quando dois homens armados e encapuzados chegaram de carro ao local e dispararam vários tiros contra o rapaz. Em seguida, os bandidos passaram com o carro por cima do corpo e fugiram. Ou segundo homem que estava com a vítima também foi baleado e está internado no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). Ainda existem poucas pistas sobre o paradeiro dos assassinos. 
Outro assassinato violento aconteceu na mesma madrugada em Laranjeiras, Vale do Cotinguiba. Um grupo de bandidos armados entrou em uma casa no bairro Quintalé de Baixo e atirou em um casal de irmãos que morava no local. Um adolescente de 16 anos morreu e a irmã dele foi ferida com um tiro na barriga. Ela foi internada no Huse, mas não há informações sobre o estado de saúde dela. Este é o quarto homicídio registrado no município em apenas 15 dias. 
E na noite de domingo, Idalício Muniz dos Santos, 24, homem foi assassinado a golpes de faca, no povoado Bandeira, em Feira Nova. De acordo com o 10º Batalhão de Polícia Militar (10º BPM), o principal suspeito do crime é o irmão da vítima. A polícia que esteve no local foi informada pela família que os dois irmãos entraram em luta corporal. O suspeito fugiu após matar o irmão.A polícia chegou a fazer buscas pelo local, mas até o suspeito conseguiu fugir.

Um total de 16 assassinatos foram registrados durante o final de semana na capital e no interior do estado, segundo dados do Instituto Médico-Legal (IML). Ao todo, foram 13 homicídios por arma de fogo e outros três por arma branca, sendo a sua maioria ocorrida em Aracaju, São Cristóvão e Nossa Senhora do Socorro. 
O caso que mais chamou a atenção foi a morte de Alex Santos Silva, 24 anos, que foi baleado e atropelado na avenida Hermes Fontes, bairro Grageru(zona sul de Aracaju). Segundo testemunhas, ele saía de um bar na madrugada deste domingo, onde acontecia um show, quando dois homens armados e encapuzados chegaram de carro ao local e dispararam vários tiros contra o rapaz. Em seguida, os bandidos passaram com o carro por cima do corpo e fugiram. Ou segundo homem que estava com a vítima também foi baleado e está internado no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). Ainda existem poucas pistas sobre o paradeiro dos assassinos. 
Outro assassinato violento aconteceu na mesma madrugada em Laranjeiras, Vale do Cotinguiba. Um grupo de bandidos armados entrou em uma casa no bairro Quintalé de Baixo e atirou em um casal de irmãos que morava no local. Um adolescente de 16 anos morreu e a irmã dele foi ferida com um tiro na barriga. Ela foi internada no Huse, mas não há informações sobre o estado de saúde dela. Este é o quarto homicídio registrado no município em apenas 15 dias. 
E na noite de domingo, Idalício Muniz dos Santos, 24, homem foi assassinado a golpes de faca, no povoado Bandeira, em Feira Nova. De acordo com o 10º Batalhão de Polícia Militar (10º BPM), o principal suspeito do crime é o irmão da vítima. A polícia que esteve no local foi informada pela família que os dois irmãos entraram em luta corporal. O suspeito fugiu após matar o irmão.A polícia chegou a fazer buscas pelo local, mas até o suspeito conseguiu fugir.