Emsurb começa a revogar concessões de inadimplentes

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 22/03/2018 às 23:41:00

 

A Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) começou a revogar os Termos de Permissão de feirantes e comerciantes que vendem seus produtos nos mercados ou em outros pontos da cidade e se encontram inadimplentes. A medida se dá após tentativas de entendimento, inclusive com entrega de notificação e concessão de prazos para parcelamentos. Com a revogação, a empresa disponibilizará os espaços para outros que aguardam pela oportunidade.
"Após a notificação, aguardamos o comparecimento destes permissionários", informou o diretor Administrativo e Financeiro da Emsurb, Clóves Trindade. Segundo o diretor, alguns dos notificados chegaram a comparecer e, apesar de terem se comprometido, não cumpriram o acordo. Outros sequer mantiveram contato com a Emsurb.
Na Diretoria de Espaços Públicos e Abastecimento, setor responsável pela organização dos mercados e feiras e pelo cadastramento de permissionários, o diretor Ubiraci (Bira) Rabelo reforça que existe o empenho da Emsurb em viabilizar o acesso de trabalhadores, pais e mães de família, aos pontos de comercialização administrados pela Prefeitura de Aracaju. Ele lembra que eles, os permissionários,  também precisam cumprir o que determina o Termo de Permissão.
"Existe um número expressivo de pessoas aguardando a oportunidade de comercializarem seus produtos nestes locais. "Chegou a hora de agir e beneficiar aqueles que realmente se mostram interessados e comprometidos", completou Bira.

A Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) começou a revogar os Termos de Permissão de feirantes e comerciantes que vendem seus produtos nos mercados ou em outros pontos da cidade e se encontram inadimplentes. A medida se dá após tentativas de entendimento, inclusive com entrega de notificação e concessão de prazos para parcelamentos. Com a revogação, a empresa disponibilizará os espaços para outros que aguardam pela oportunidade.
"Após a notificação, aguardamos o comparecimento destes permissionários", informou o diretor Administrativo e Financeiro da Emsurb, Clóves Trindade. Segundo o diretor, alguns dos notificados chegaram a comparecer e, apesar de terem se comprometido, não cumpriram o acordo. Outros sequer mantiveram contato com a Emsurb.Na Diretoria de Espaços Públicos e Abastecimento, setor responsável pela organização dos mercados e feiras e pelo cadastramento de permissionários, o diretor Ubiraci (Bira) Rabelo reforça que existe o empenho da Emsurb em viabilizar o acesso de trabalhadores, pais e mães de família, aos pontos de comercialização administrados pela Prefeitura de Aracaju. Ele lembra que eles, os permissionários,  também precisam cumprir o que determina o Termo de Permissão.
"Existe um número expressivo de pessoas aguardando a oportunidade de comercializarem seus produtos nestes locais. "Chegou a hora de agir e beneficiar aqueles que realmente se mostram interessados e comprometidos", completou Bira.