Homem é preso por agredir a mãe e um bebê em Socorro

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 04/04/2018 às 07:09:00

 

Um homem foi preso em flagrante nesta segunda-feira no Conjunto Marcos Freire II, em Nossa Senhora do Socorro, acusado de agredir a mãe e o sobrinho, um bebê de dois meses de idade. O crime aconteceu no início da manhã, quando o acusado entrou na casa da mãe e bateu nela com vários chutes. A irmã dele ouviu os gritos e interveio para defender a mãe, mas acabou ameaçada. 
Cerca de uma hora depois, o homem voltou à casa e tentou agredir o sobrinho de cinco anos de idade, na tentativa de se vingar da irmã, que conseguiu impediu. No entanto, insatisfeito, ele foi até berço do bebê e tentou arrancar a orelha dele. A mulher correu novamente para salvá-lo e bateu no irmão com vários socos. Outro irmão apareceu e conseguiu deter o acusado, até a chegada da Polícia Militar.
O agressor foi levado à Delegacia Plantonista Norte e autuado em flagrante delito por lesão corporal e violência doméstica. Ele já tem duas medidas protetivas expedidas contra ele para que não aproxime da residência e foi colocado em liberdade condicional, mas ainda não tinha comparecido em juízo para a instalação da tornozeleira eletrônica. O boletim de ocorrência registrado na polícia informa que o acusado é usuário de crack, cocaína e maconha, mas a mãe tolerava a permanência dele na residência por "ter pena dele".

Um homem foi preso em flagrante nesta segunda-feira no Conjunto Marcos Freire II, em Nossa Senhora do Socorro, acusado de agredir a mãe e o sobrinho, um bebê de dois meses de idade. O crime aconteceu no início da manhã, quando o acusado entrou na casa da mãe e bateu nela com vários chutes. A irmã dele ouviu os gritos e interveio para defender a mãe, mas acabou ameaçada. 
Cerca de uma hora depois, o homem voltou à casa e tentou agredir o sobrinho de cinco anos de idade, na tentativa de se vingar da irmã, que conseguiu impediu. No entanto, insatisfeito, ele foi até berço do bebê e tentou arrancar a orelha dele. A mulher correu novamente para salvá-lo e bateu no irmão com vários socos. Outro irmão apareceu e conseguiu deter o acusado, até a chegada da Polícia Militar.
O agressor foi levado à Delegacia Plantonista Norte e autuado em flagrante delito por lesão corporal e violência doméstica. Ele já tem duas medidas protetivas expedidas contra ele para que não aproxime da residência e foi colocado em liberdade condicional, mas ainda não tinha comparecido em juízo para a instalação da tornozeleira eletrônica. O boletim de ocorrência registrado na polícia informa que o acusado é usuário de crack, cocaína e maconha, mas a mãe tolerava a permanência dele na residência por "ter pena dele".