Edição Especial da Feira da Agricultura Familiar celebra Dia Mundial da Saúde nesta quinta

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
A feira acontece no pátio da Secretaria de Estado da Inclusão Social
A feira acontece no pátio da Secretaria de Estado da Inclusão Social

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 12/04/2018 às 06:31:00

 

Uma edição especial da Feira da Agricultura Familiar será realizada no início da manhã desta quinta-feira, em alusão ao Dia Mundial da Saúde, comemorado no último sábado, 7. A Feira acontece no pátio da Secretaria de Estado da Inclusão Social (Rua Santa Luzia, 680 - São José), das 06h às 09h. Além da venda dos tradicionais produtos orgânicos, serão realizadas ações de saúde, conscientização e distribuição de mudas e sementes. Todos os serviços serão oferecidos gratuitamente.
O Dia Mundial da Saúde foi instituído em 07 de abril de 1946 pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como uma iniciativa para incentivar a manutenção do bom estado de saúde das pessoas em todo o mundo, e alertar sobre os principais problemas que podem atingir a população. Para a OMS, a saúde é um "estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença ou enfermidade".
Em alusão à data, parceiros convidados pelo Departamento de Segurança Alimentar e Nutricional (Dsan) da Seidh, responsável pela realização da Feira, irão disponibilizar para agricultores e consumidores, serviços preventivos, como aferição a pressão arterial, teste de glicemia e cálculo do Índice de Massa Corpórea (IMC). Haverá também a promoção de saúde mental da família e consultório de rua; a doação de mudas frutíferas e sementes de plantas medicinais; e a distribuição de material informativo sobre higiene de alimentos e inclusão produtiva com segurança sanitária. 
Segundo Lucileide Rodrigues, diretora do Dsan, a ação é fruto da parceria entre a Seidh e diversos órgãos e instituições privadas para levar mais saúde à população. "Nossas feiras da Agricultura Familiar já são baseadas na promoção de uma vida mais saudável, estimulando a produção e o consumo de produtos livres de agrotóxicos. A ação visa promover também a prevenção e diagnóstico de alguns problemas de saúde, como a obesidade, hipertensão e o diabetes, por exemplo. Todos serão bem-vindos e bem atendidos", convida.
Além da Seidh, participam da ação o Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional (Consean); Instituto de Cooperação para o Desenvolvimento Rural Sustentável (Icoderus), Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro), Vigilância Sanitária, SAMU, Fundação Estadual da Saúde (Funesa), Faculdade Estácio/Fase, Produto Orgânico e Sincronia Cursos.

Uma edição especial da Feira da Agricultura Familiar será realizada no início da manhã desta quinta-feira, em alusão ao Dia Mundial da Saúde, comemorado no último sábado, 7. A Feira acontece no pátio da Secretaria de Estado da Inclusão Social (Rua Santa Luzia, 680 - São José), das 06h às 09h. Além da venda dos tradicionais produtos orgânicos, serão realizadas ações de saúde, conscientização e distribuição de mudas e sementes. Todos os serviços serão oferecidos gratuitamente.
O Dia Mundial da Saúde foi instituído em 07 de abril de 1946 pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como uma iniciativa para incentivar a manutenção do bom estado de saúde das pessoas em todo o mundo, e alertar sobre os principais problemas que podem atingir a população. Para a OMS, a saúde é um "estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença ou enfermidade".
Em alusão à data, parceiros convidados pelo Departamento de Segurança Alimentar e Nutricional (Dsan) da Seidh, responsável pela realização da Feira, irão disponibilizar para agricultores e consumidores, serviços preventivos, como aferição a pressão arterial, teste de glicemia e cálculo do Índice de Massa Corpórea (IMC). Haverá também a promoção de saúde mental da família e consultório de rua; a doação de mudas frutíferas e sementes de plantas medicinais; e a distribuição de material informativo sobre higiene de alimentos e inclusão produtiva com segurança sanitária. 
Segundo Lucileide Rodrigues, diretora do Dsan, a ação é fruto da parceria entre a Seidh e diversos órgãos e instituições privadas para levar mais saúde à população. "Nossas feiras da Agricultura Familiar já são baseadas na promoção de uma vida mais saudável, estimulando a produção e o consumo de produtos livres de agrotóxicos. A ação visa promover também a prevenção e diagnóstico de alguns problemas de saúde, como a obesidade, hipertensão e o diabetes, por exemplo. Todos serão bem-vindos e bem atendidos", convida.
Além da Seidh, participam da ação o Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional (Consean); Instituto de Cooperação para o Desenvolvimento Rural Sustentável (Icoderus), Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro), Vigilância Sanitária, SAMU, Fundação Estadual da Saúde (Funesa), Faculdade Estácio/Fase, Produto Orgânico e Sincronia Cursos.