Elias Borges espera contar com Nino Guerreiro

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Treinador do Sergipe já tem definida a estratégia de jogo para encarar o Itabaiana
Treinador do Sergipe já tem definida a estratégia de jogo para encarar o Itabaiana

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 12/04/2018 às 07:11:00

 

Givaldo Batista
givaldobs@yahoo.com.br
O Sergipe terá força 
máxima na partida 
deste sábado contra o Itabaiana, que decide o Sergipão loterias Caixa 2018. O time está completo. Ou melhor, quase completo, porque o centroavante e artilheiro Nino Guerreiro está em tratamento, se recupera de uma lesão e garante que vai participar da partida. 
Nesta quarta-feira o time rubro treinou no João Hora sob o comando de Elias Borges e Edmilson Silva. Hoje o time volta a treinar no mesmo local quando será realizado o treino apronto para definição da equipe. O único problema até o momento é o centro avante Nino Guerreiro. Mas se este não tiver condições de jogo, o substituto deve ser o Marquinhos do Sul.
Postura diferente - O técnico do Sergipe, Elias Borges, promete um time ofensivo. Os colorados precisam de apenas um empate para se sagrarem campeões. No jogo de sábado no Etelvino Mendonça, o time entrou em campo com uma postura defensiva e conquistou o empate em 1x1. "Naquela partida, o importante era não perder. Daí a nossa formação mais defensiva e uma postura mais preocupada em não receber gols", comentou Elias Borges.  
Elias Borges optou por abrir mão da velocidade de Marquinhos do Sul e Diogo e investiu no jogo mais cadenciado. Correu alguns riscos por conta disso, foi pressionado, mas no fim das contas conseguiu o objetivo, que era não ser derrotado.
Para o jogo final, o treinador já tem a estratégia definida, mas prefere aguardar a hora do jogo e promete algumas surpresas.  
- Eu não posso aqui abrir o jogo sobre essa surpresa porque senão eu vou entregar o ouro ao meu adversário para a próxima partida. Mas é assim mesmo, a gente está aqui para estudar o adversário. Ali era a terceira partida e tínhamos perdido os dois primeiros jogos. Então nós tínhamos que tomar alguma providência. Sábado vai ser diferente - disse Elias Borges.
Mesmo jogando em casa e pelo empate, Elias Borges promete uma estratégia diferente e colocar em campo um time mais ofensivo.
- Nós vamos jogar para frente. Podemos perder o jogo? Podemos porque vamos enfrentar um grande adversário. Agora o que não podemos é entregar por omitir em ir para cima. Então vamos fazer até muito mais do que fizemos no sábado, colocar todo o time para cima para quem sabe até ampliar essa nossa condição.

O Sergipe terá força  máxima na partida  deste sábado contra o Itabaiana, que decide o Sergipão loterias Caixa 2018. O time está completo. Ou melhor, quase completo, porque o centroavante e artilheiro Nino Guerreiro está em tratamento, se recupera de uma lesão e garante que vai participar da partida. 
Nesta quarta-feira o time rubro treinou no João Hora sob o comando de Elias Borges e Edmilson Silva. Hoje o time volta a treinar no mesmo local quando será realizado o treino apronto para definição da equipe. O único problema até o momento é o centro avante Nino Guerreiro. Mas se este não tiver condições de jogo, o substituto deve ser o Marquinhos do Sul.
Postura diferente - O técnico do Sergipe, Elias Borges, promete um time ofensivo. Os colorados precisam de apenas um empate para se sagrarem campeões. No jogo de sábado no Etelvino Mendonça, o time entrou em campo com uma postura defensiva e conquistou o empate em 1x1. "Naquela partida, o importante era não perder. Daí a nossa formação mais defensiva e uma postura mais preocupada em não receber gols", comentou Elias Borges.  
Elias Borges optou por abrir mão da velocidade de Marquinhos do Sul e Diogo e investiu no jogo mais cadenciado. Correu alguns riscos por conta disso, foi pressionado, mas no fim das contas conseguiu o objetivo, que era não ser derrotado.
Para o jogo final, o treinador já tem a estratégia definida, mas prefere aguardar a hora do jogo e promete algumas surpresas.  
- Eu não posso aqui abrir o jogo sobre essa surpresa porque senão eu vou entregar o ouro ao meu adversário para a próxima partida. Mas é assim mesmo, a gente está aqui para estudar o adversário. Ali era a terceira partida e tínhamos perdido os dois primeiros jogos. Então nós tínhamos que tomar alguma providência. Sábado vai ser diferente - disse Elias Borges.
Mesmo jogando em casa e pelo empate, Elias Borges promete uma estratégia diferente e colocar em campo um time mais ofensivo.
- Nós vamos jogar para frente. Podemos perder o jogo? Podemos porque vamos enfrentar um grande adversário. Agora o que não podemos é entregar por omitir em ir para cima. Então vamos fazer até muito mais do que fizemos no sábado, colocar todo o time para cima para quem sabe até ampliar essa nossa condição.