Ex-padre é esfaqueado e agressor é morto em Umbaúba

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 02/10/2012 às 15:47:00

O ex-padre católico José Alves Filho foi esfaqueado na tarde de domingo em plena praça principal do povoado Matinha, em Umbaúba (Região Sul). Ele foi atacado por um homem armado e ferido por dois golpes na altura do abdômen. Outras pessoas que estavam na praça perseguiram o autor da agressão, identificado pela polícia como Genisson de Oliveira Santos, que acabou linchado e levou três tiros na cabeça.

Genisson chegou a ser internado em estado grave no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), em Aracaju, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na tarde de ontem. Já o ex-padre foi levado para o Hospital Regional de Estância e, segundo os médicos, não corre risco de morrer. Os autores dos disparos conseguiram escapar do tumulto e não foram presos, mas ao menos um deles já foi identificado pela polícia.

As primeiras informações registradas pela polícia apontam que o ataque a José, atualmente líder de uma cooperativa, teria motivações políticas, já que, na tarde do crime, acontecia um evento de campanha no povoado. No entanto, segundo o delegado Júlio Figueiredo, ainda é cedo para apontar a motivação do crime e por enquanto descarta ligação com atos políticos. "Estamos dando início às investigações e iremos ouvir testemunhas e a vítima que foi internada", explicou o delegado.