Sergipanos presentes na Gymnasiade em Marrocos

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Caratecas sergipanos sob o comando do professor Alexandre, representam o Brasil na Gymnasiade em Marrakesh
Caratecas sergipanos sob o comando do professor Alexandre, representam o Brasil na Gymnasiade em Marrakesh

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 27/04/2018 às 04:41:00

 

Três atletas e um técnico sergipanos, estarão representando o Estado de Sergipe na maior competição escolar do mundo, a Gymnasiade-2018, a Olímpiada Escolar, que este ano acontece na cidade de Marrakesh, Marrocos, entre os dias 02 e 09 de maio.
Os caratecas André Santos, Eduardo Inagaki e Vivian Vieira, participaram da seletiva no mês de março em São Paulo e conquistaram vaga para representar o pais na competição escolar internacional, como membros da seleção brasileira. Junto com eles, o técnico Alexandre Morais.
Desde que conquistaram vaga para a Marrocos, a rotina desses esportistas mudou. Os treinos foram intensificados e dedicam várias horas do dia à preparação. O objetivo é conquistar um pódio na competição internacional. 
Dois deles, André Santos e Vivian Vieira estão no Equador disputando o Sul-Americano. Assim que voltarem a Aracaju, embarcam com destino a cidade de Marrakesh, na busca de medalhas na Gymnasiade 2018.
Os três são donos de currículos invejáveis. André Santos tem apenas 16 anos, mas é atleta da Seleção Brasileira de Karatê desde 2014. Dentre outros títulos, detém o de vice-campeão Mundial - 2017, vice-campeão dos Jogos Mundiais - Combat Games 2017, bicampeão Pan-americano, tetracampeão Sul-americano, tetracampeão brasileiro e pentacampeão sergipano. Em 2017, na Espanha, foi vice-campeão mundial.
Eduardo Inagaki é outra sumidade no Karatê. Atleta da Seleção Brasileira desde 2014, foi 3º lugar nos Jogos Mundiais - Combat Games, campeão Pan-americano, bicampeão Sul-americano, pentacampeão brasileiro e heptacampeão Sergipano.
Fechando a trinca de caratecas sergipanos, Vivian Vieira, também é atleta da Seleção Brasileira de Karatê desde 2016. Foi 3º lugar nos Jogos Sul-americanos da Juventude - 2017, 3º lugar no Campeonato Pan-americano - 2016, campeã Sul-americana - 2016, campeã Brasileira - 2015 e tetracampeã sergipana.
Os três são treinados pelo professor especialista, Alexandre Morais, técnico da CBDE, que também vai à Marrakesh. Alexandre é Faixa Preta 4º Dan, Diretor-Técnico da Federação Sergipana de Karatê, técnico da Seleção Sergipana de Karatê, Técnico da Seleção Brasileira Escolar e campeão Mundial da Gymnasiade 2013, em Brasília.

Três atletas e um técnico sergipanos, estarão representando o Estado de Sergipe na maior competição escolar do mundo, a Gymnasiade-2018, a Olímpiada Escolar, que este ano acontece na cidade de Marrakesh, Marrocos, entre os dias 02 e 09 de maio.
Os caratecas André Santos, Eduardo Inagaki e Vivian Vieira, participaram da seletiva no mês de março em São Paulo e conquistaram vaga para representar o pais na competição escolar internacional, como membros da seleção brasileira. Junto com eles, o técnico Alexandre Morais.
Desde que conquistaram vaga para a Marrocos, a rotina desses esportistas mudou. Os treinos foram intensificados e dedicam várias horas do dia à preparação. O objetivo é conquistar um pódio na competição internacional. 
Dois deles, André Santos e Vivian Vieira estão no Equador disputando o Sul-Americano. Assim que voltarem a Aracaju, embarcam com destino a cidade de Marrakesh, na busca de medalhas na Gymnasiade 2018.
Os três são donos de currículos invejáveis. André Santos tem apenas 16 anos, mas é atleta da Seleção Brasileira de Karatê desde 2014. Dentre outros títulos, detém o de vice-campeão Mundial - 2017, vice-campeão dos Jogos Mundiais - Combat Games 2017, bicampeão Pan-americano, tetracampeão Sul-americano, tetracampeão brasileiro e pentacampeão sergipano. Em 2017, na Espanha, foi vice-campeão mundial.
Eduardo Inagaki é outra sumidade no Karatê. Atleta da Seleção Brasileira desde 2014, foi 3º lugar nos Jogos Mundiais - Combat Games, campeão Pan-americano, bicampeão Sul-americano, pentacampeão brasileiro e heptacampeão Sergipano.Fechando a trinca de caratecas sergipanos, Vivian Vieira, também é atleta da Seleção Brasileira de Karatê desde 2016. Foi 3º lugar nos Jogos Sul-americanos da Juventude - 2017, 3º lugar no Campeonato Pan-americano - 2016, campeã Sul-americana - 2016, campeã Brasileira - 2015 e tetracampeã sergipana.
Os três são treinados pelo professor especialista, Alexandre Morais, técnico da CBDE, que também vai à Marrakesh. Alexandre é Faixa Preta 4º Dan, Diretor-Técnico da Federação Sergipana de Karatê, técnico da Seleção Sergipana de Karatê, Técnico da Seleção Brasileira Escolar e campeão Mundial da Gymnasiade 2013, em Brasília.