Dragão surpreende e vence o Náutico em Recife

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O Confiança fez uma grande partida na noite deste sábado na Arena Pernambuco e venceu o Náutico por 4x2, reassumindo a liderança do Grupo A da Série C.
O Confiança fez uma grande partida na noite deste sábado na Arena Pernambuco e venceu o Náutico por 4x2, reassumindo a liderança do Grupo A da Série C.



Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 06/05/2018 às 04:38:00

O Confiança surpreendeu o Náutico, fora de casa, e conquistou um resultado importantíssimo para a sequência do Campeonato Brasileiro Série C. O time sergipano mesmo com um jogador a menos e contando com a boa pontaria do atacante Léo Ceará, autor de dois gols, venceu o Timbu por 4 a 2. Além de Léo Ceará, Ângelo e Éverton marcaram para o time aracajuano, enquanto Robinho descontou para os recifenses marcando duas vezes.
Uma grande vitória - Com uma proposta ofensiva, a qual não vingou, os alvirrubros viram o time sergipano ameaçar desde o início do jogo em contra-ataques. Quando descia, o Timbu pouco ameaçava, quase sempre em chutes de fora da área.
Aos 24 minutos, após uma cobrança de escanteio, Genivaldo fez grande defesa e o Dragão desceu em contra-ataque rápido com Rafael. Ele fez boa jogada para direita e virou o jogo para Flávio, que foi desarmado na hora do chute. A bola, por sua vez, sobrou para Léo Ceará abrir o placar. Apático, o Náutico pouco produzia e ameaçava, não conseguindo empatar o placar na primeira etapa.
Com a marcação adiantada, o Náutico voltou ofensivo e logo empatou a partida. Aos seis minutos, Lelê lançou Robinho de cabeça e ele estufou as redes alviazulinas. Mas o Timbu não teve tempo de comemorar. Dois minutos depois Raí cobrou falta e Bruno fez grande defesa. No rebote, Iago chutou e Bruno defendeu novamente, mas a bola tocou no travessão e sobrou para Léo Ceará, livre, desempatar o placar. Ali, na verdade, apenas começava o drama pernambucano.
Menos de dez minutos depois, aos 16, Ângelo tentou cruzar e acabou fazendo um golaço, marcando o terceiro dos sergipanos. Um minuto depois, em novo lance de contra-ataque, Éverton recebeu uma assistência espetacular de Iago e apenas teve o trabalho de ampliar o placar na Arena.
Com os gols sofridos, os pernambucanos partiram para o desespero e tentaram pressionar os proletários, mas, mesmo com um jogador a mais, demorou para diminuir o escore em decorrência da falta de organização. O início de reação veio apenas aos 32 minutos, quando Robinho recebeu bom passe, dominou no peito e marcou o segundo dele no duelo. Aos 39, porém, a missão se tornou ainda mais complicada quando Breno Calixto foi expulso e, novamente, deixou os times em igualdade numérica.
Sem organização e pobre ofensivamente, o Náutico apenas viu o Confiança administrar o resultado e levar três pontos para Aracaju, afundando ainda mais os pernambucanos na lanterna geral da competição.
Visando a reação, o Náutico volta a campo no próximo sábado (12), às 19h00, diante do Salgueiro, na Arena de Pernambuco. O Confiança, por sua vez, receberá o ABC, no domingo (13), às 16h00, e buscará a manutenção na corrida pela liderança do grupo.