Suspeito é preso por assassinato de mulher em Lagarto

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 09/05/2018 às 05:39:00

 

Policiais da Divisão de Homicídios da Delegacia Regional de Lagarto prenderam nesta segunda-feira um suspeito pelo assassinato de Leidiane Guimarães Bomfim, a 'Baianinha', 36 anos, que foi encontrada morta durante a madrugada em uma rua nobairro Ademar de Carvalho, em Lagarto. Ivan Neves de Santana, o 'Galego', foi preso em flagrante no começo da tarde e, segundo a polícia, confessou o crime. A prisão já foi comunicada ao juízo da Vara Criminal de Lagarto. 
De acordo com o delegado Tarcísio Tenório, a morte de Leidiane foi registrada por câmeras de vigilância da localidade. "Durante toda o dia diligenciamos no sentido de identificar e prender o suspeito, que foi capturado quando tentava retornar para sua residência", explicou.Ivan não ofereceu resistênciae indicou aos policiais o local onde descartou os instrumentos utilizados no momento da ação. No local foram encontradas, uma faca de mesa e uma vara de madeira pontiaguda, com as quais golpeou a vítima na região do pescoço e tórax.
A polícia afirmou ainda quea mulher assassinada seria usuária de drogas, assim como o suspeito, que já foi preso e condenado por assalto e furtos na cidade de Lagarto, tendo cumprido pena durante 11 anos.Em interrogatório, Ivan disse que estava usando drogas com Baianinha na madrugada. "Em dado momento, houve um desentendimento, e Ivan mandou que Baianinha fosse embora de sua casa. Alegou que ela havia subtraído uma faca e outros pertences. O autor seguiu a vítima até uma residência supostamente utilizada para consumo de drogas no bairro e a matou friamente. Em seguida, evadiu-se do local", concluiu.

Policiais da Divisão de Homicídios da Delegacia Regional de Lagarto prenderam nesta segunda-feira um suspeito pelo assassinato de Leidiane Guimarães Bomfim, a 'Baianinha', 36 anos, que foi encontrada morta durante a madrugada em uma rua nobairro Ademar de Carvalho, em Lagarto. Ivan Neves de Santana, o 'Galego', foi preso em flagrante no começo da tarde e, segundo a polícia, confessou o crime. A prisão já foi comunicada ao juízo da Vara Criminal de Lagarto. 
De acordo com o delegado Tarcísio Tenório, a morte de Leidiane foi registrada por câmeras de vigilância da localidade. "Durante toda o dia diligenciamos no sentido de identificar e prender o suspeito, que foi capturado quando tentava retornar para sua residência", explicou.Ivan não ofereceu resistênciae indicou aos policiais o local onde descartou os instrumentos utilizados no momento da ação. No local foram encontradas, uma faca de mesa e uma vara de madeira pontiaguda, com as quais golpeou a vítima na região do pescoço e tórax.
A polícia afirmou ainda quea mulher assassinada seria usuária de drogas, assim como o suspeito, que já foi preso e condenado por assalto e furtos na cidade de Lagarto, tendo cumprido pena durante 11 anos.Em interrogatório, Ivan disse que estava usando drogas com Baianinha na madrugada. "Em dado momento, houve um desentendimento, e Ivan mandou que Baianinha fosse embora de sua casa. Alegou que ela havia subtraído uma faca e outros pertences. O autor seguiu a vítima até uma residência supostamente utilizada para consumo de drogas no bairro e a matou friamente. Em seguida, evadiu-se do local", concluiu.