Dupla morre em confronto com policiais da Caatinga em Monte Alegre

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 10/05/2018 às 00:43:00

 

Dois homens morreram na noite desta terça-feira, durante um confronto com policiais militares na zona rural do município de Monte Alegre de Sergipe (Sertão). Segundo a Companhia Independente de Operações Policiais em Área de Caatinga (Ciopac), uma equipe da unidade fazia uma blitz na estrada de acesso à cidade e tentou abordar uma dupla de motociclistas, que desobedeceu a ordem de parada e reagiu disparando tiros contra os policiais. 
Os suspeitos foram baleados no confronto e morreram depois de darem entrada no Hospital Regional João Alves Filho, em Nossa Senhora da Glória. Os corpos não foram identificados pelo Instituto Médico Legal (IML). Com eles, foram apreendidas duas armas de fogo e uma quantidade de drogas. A identidade dos suspeitos será investigada e ainda não está confirmado se eles têm alguma ligação com o assassinato do capitão Manoel Oliveira, ex-comandante do Ciopac, assassinado na mesma região em 13 de abril. A informação chegou a circular nas redes sociais durante o dia de ontem. 

Dois homens morreram na noite desta terça-feira, durante um confronto com policiais militares na zona rural do município de Monte Alegre de Sergipe (Sertão). Segundo a Companhia Independente de Operações Policiais em Área de Caatinga (Ciopac), uma equipe da unidade fazia uma blitz na estrada de acesso à cidade e tentou abordar uma dupla de motociclistas, que desobedeceu a ordem de parada e reagiu disparando tiros contra os policiais. 
Os suspeitos foram baleados no confronto e morreram depois de darem entrada no Hospital Regional João Alves Filho, em Nossa Senhora da Glória. Os corpos não foram identificados pelo Instituto Médico Legal (IML). Com eles, foram apreendidas duas armas de fogo e uma quantidade de drogas. A identidade dos suspeitos será investigada e ainda não está confirmado se eles têm alguma ligação com o assassinato do capitão Manoel Oliveira, ex-comandante do Ciopac, assassinado na mesma região em 13 de abril. A informação chegou a circular nas redes sociais durante o dia de ontem.