Passageiro é preso com drogas em ônibus clandestino

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 22/05/2018 às 05:03:00

 

Policiais civis da Delegacia Regional de Nossa Senhora das Dores, em conjunto com o Grupo de Operações Especiais (GOE), prenderam em flagrante Nacélio Menezes de Jesus, por crimes relacionados a tráfico de drogas. A prisão ocorreu no final da madrugada do último domingo,em uma barreira montada na BR-101, próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal em Cristinápolis, sul do estado.
De acordo com as informações, os policiais receberam uma denúncia anônima informando que um micro-ônibus que fazia transporte clandestino de passageiros entre São Paulo (SP) e o município de Carira (SE) estaria transportando grande quantidade de cocaína.Diante disso, foi montada uma barreira policial junto ao Posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), no município Cristinápolis, com o intuito de realizar abordagens. Ao realizar procedimento de busca no veículo, que tinha como destino final a cidade de Nossa Senhora Aparecida, cães farejadores da equipe K-9 do canil do Grupo Especial de Repressão e Busca (Gerb) detectaram a presença de entorpecentes na bagagem do acusado.
O preso estava com uma caixa de conhaque, que guardava, envoltos num plástico, 701 pinos de cocaína, 100 gramas de pasta base de cocaína e um tablete de 50 gramas de maconha. A droga foi encontrada com a ajuda dos cães farejadores do Gerb.O acusado assumiu a propriedade da droga em questão, afirmando que o entorpecente era destinado para o seu próprio consumo. Ele foi conduzido pelos policiais até a Delegacia Plantonista de Estância para que fosse lavrado o procedimento e tomadas as demais providências cabíveis ao caso.

Policiais civis da Delegacia Regional de Nossa Senhora das Dores, em conjunto com o Grupo de Operações Especiais (GOE), prenderam em flagrante Nacélio Menezes de Jesus, por crimes relacionados a tráfico de drogas. A prisão ocorreu no final da madrugada do último domingo,em uma barreira montada na BR-101, próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal em Cristinápolis, sul do estado.
De acordo com as informações, os policiais receberam uma denúncia anônima informando que um micro-ônibus que fazia transporte clandestino de passageiros entre São Paulo (SP) e o município de Carira (SE) estaria transportando grande quantidade de cocaína.Diante disso, foi montada uma barreira policial junto ao Posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), no município Cristinápolis, com o intuito de realizar abordagens. Ao realizar procedimento de busca no veículo, que tinha como destino final a cidade de Nossa Senhora Aparecida, cães farejadores da equipe K-9 do canil do Grupo Especial de Repressão e Busca (Gerb) detectaram a presença de entorpecentes na bagagem do acusado.
O preso estava com uma caixa de conhaque, que guardava, envoltos num plástico, 701 pinos de cocaína, 100 gramas de pasta base de cocaína e um tablete de 50 gramas de maconha. A droga foi encontrada com a ajuda dos cães farejadores do Gerb.O acusado assumiu a propriedade da droga em questão, afirmando que o entorpecente era destinado para o seu próprio consumo. Ele foi conduzido pelos policiais até a Delegacia Plantonista de Estância para que fosse lavrado o procedimento e tomadas as demais providências cabíveis ao caso.