Bandidos invadem e assaltam alojamento do IFS

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 23/05/2018 às 07:02:00

 

Quatro homens ar-
mados invadiram e 
assaltaram um dos alojamentos de um campus do Instituto Federal de Sergipe (IFS), no Povoado Quissamã, em São Cristóvão (Grande Aracaju). O crime aconteceu no final da noite de anteontem, quando os estudantes do regime de semi-internato, entre 14 e 18 anos, preparavam-se para dormir. Os criminosos, armados com facas e revólveres, passaram pela cerca e renderam um dos rapazes, apontando uma arma contra a sua cabeça. Tomado como refém, ele foi obrigado a recolher os pertences dos próprios colegas, como dinheiro, celulares, carteiras e outros objetos. 
Todo o material foi entregue aos bandidos, que fugiram em seguida. Um dos estudantes aproveitou um momento de nervosismo dos ladrões e, sem ser visto, saiu do alojamento e correu até o prédio central, onde pediu ajuda aos seguranças do campus. Estes, por sua vez, chamaram a Polícia Militar, que fez buscas pelos criminosos durante toda a madrugada, mas nenhum suspeito foi encontrado. Ninguém ficou ferido.
Em notas oficiais, a direção do campus e a reitoria do IFS informaram que o Campus São Cristóvão tem um serviço de vigilância e servidores que permanecem com os estudantes durante o período noturno, mas reiterou que já havia alertado para a necessidade de um reforço no entorno da segurança do campus."A direção-geral da unidade de ensino, com o intuito de fortalecer a segurança no local, havia encaminhado documento para a Polícia Militar a fim de solicitar policiamento ostensivo nas imediações do Quissamã, localidade onde o Campus está instalado. A direção-geral está em fornecendo apoio aos estudantes e buscará novas ações para proteger a comunidade acadêmica", diz a instituição, confirmando ainda que acionou a Polícia Federal para auxiliar a Polícia Civil nas investigações do crime. 

Quatro homens ar- mados invadiram e  assaltaram um dos alojamentos de um campus do Instituto Federal de Sergipe (IFS), no Povoado Quissamã, em São Cristóvão (Grande Aracaju). O crime aconteceu no final da noite de anteontem, quando os estudantes do regime de semi-internato, entre 14 e 18 anos, preparavam-se para dormir. Os criminosos, armados com facas e revólveres, passaram pela cerca e renderam um dos rapazes, apontando uma arma contra a sua cabeça. Tomado como refém, ele foi obrigado a recolher os pertences dos próprios colegas, como dinheiro, celulares, carteiras e outros objetos. 
Todo o material foi entregue aos bandidos, que fugiram em seguida. Um dos estudantes aproveitou um momento de nervosismo dos ladrões e, sem ser visto, saiu do alojamento e correu até o prédio central, onde pediu ajuda aos seguranças do campus. Estes, por sua vez, chamaram a Polícia Militar, que fez buscas pelos criminosos durante toda a madrugada, mas nenhum suspeito foi encontrado. Ninguém ficou ferido.
Em notas oficiais, a direção do campus e a reitoria do IFS informaram que o Campus São Cristóvão tem um serviço de vigilância e servidores que permanecem com os estudantes durante o período noturno, mas reiterou que já havia alertado para a necessidade de um reforço no entorno da segurança do campus."A direção-geral da unidade de ensino, com o intuito de fortalecer a segurança no local, havia encaminhado documento para a Polícia Militar a fim de solicitar policiamento ostensivo nas imediações do Quissamã, localidade onde o Campus está instalado. A direção-geral está em fornecendo apoio aos estudantes e buscará novas ações para proteger a comunidade acadêmica", diz a instituição, confirmando ainda que acionou a Polícia Federal para auxiliar a Polícia Civil nas investigações do crime.