Clubes definem como será a Divisão A2

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Sob o comando do presidente Milton Dantas, clubes sergipanos definiram como será o Campeonato da Divisão A2
Sob o comando do presidente Milton Dantas, clubes sergipanos definiram como será o Campeonato da Divisão A2

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 07/06/2018 às 07:30:00

 

Dirigentes e repre-
sentes dos 19 clu-
bes inscritos para disputar o Campeonato Sergipano de Futebol Profissional da Divisão A2 de 2018, estiveram reunidos na manhã desta quarta-feira, no auditório do Hotel Comfort, na Orla de Atalaia. Na oportunidade, deixaram quase tudo definido sobre a competição oficial, que classificará apenas um clube, para a Divisão Especial de 2019.
O presidente Milton Dantas abriu a reunião falou dos objetivos do encontro, mas fez questão de deixar bem claro que o fato de haver 19 clubes inscritos, isso não significa dizer que os 19 participarão da competição.
- Temos três clubes que se encontram ainda com problemas de documentação e precisando de registro junto à Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Tem ainda uma questão que vai influir muito, que é a disponibilidade de um estádio de futebol. A Federação Sergipana de Futebol (FSF) fará inspeção nos estádios e será rigorosa na aprovação das praças de esporte - destacou o presidente Milton Dantas.
Na reunião ficou definido que a competição terá início no dia 18 ou 19 de agosto, com previsão de encerramento nos dias 28 de outubro ou 4 de novembro. Como forma de evitar gastos, na primeira fase as equipes serão regionalizadas. Os ingressos serão cobrados ao preço de R$ 20,00 com direito a meia entrada.
-Acreditando que as 19 equipes participem da competição. Teremos assim quatro grupos de quatro equipes e um de três. Todas jogarão entre si dentro do mesmo grupo, no sistema de ida e volta. Classificam-se as primeiro colocadas de cada grupo e as três melhores segundo colocadas, formando assim as oito equipes que irão para a segunda fase, que será um "mata-mata", com jogos de ida e volta. Até se conhecer as duas finalistas -informou Gleiysson Prado, diretor técnico da FSF.
Uma decisão polêmica foi quanto à idade dos atletas. Ficou definido que a competição será sub 23. Porém, cada equipe tem o direito de colocar até três atletas com idade acima desse limite. Por sugestão do presidente do Guarany de Porto da Folha aprovado por unanimidade, o troféu de campeão receberá o nome do desportista Juca Dantas, irmão do presidente Milton Dantas, recentemente falecido.

Dirigentes e repre- sentes dos 19 clu- bes inscritos para disputar o Campeonato Sergipano de Futebol Profissional da Divisão A2 de 2018, estiveram reunidos na manhã desta quarta-feira, no auditório do Hotel Comfort, na Orla de Atalaia. Na oportunidade, deixaram quase tudo definido sobre a competição oficial, que classificará apenas um clube, para a Divisão Especial de 2019.
O presidente Milton Dantas abriu a reunião falou dos objetivos do encontro, mas fez questão de deixar bem claro que o fato de haver 19 clubes inscritos, isso não significa dizer que os 19 participarão da competição.
- Temos três clubes que se encontram ainda com problemas de documentação e precisando de registro junto à Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Tem ainda uma questão que vai influir muito, que é a disponibilidade de um estádio de futebol. A Federação Sergipana de Futebol (FSF) fará inspeção nos estádios e será rigorosa na aprovação das praças de esporte - destacou o presidente Milton Dantas.
Na reunião ficou definido que a competição terá início no dia 18 ou 19 de agosto, com previsão de encerramento nos dias 28 de outubro ou 4 de novembro. Como forma de evitar gastos, na primeira fase as equipes serão regionalizadas. Os ingressos serão cobrados ao preço de R$ 20,00 com direito a meia entrada.
-Acreditando que as 19 equipes participem da competição. Teremos assim quatro grupos de quatro equipes e um de três. Todas jogarão entre si dentro do mesmo grupo, no sistema de ida e volta. Classificam-se as primeiro colocadas de cada grupo e as três melhores segundo colocadas, formando assim as oito equipes que irão para a segunda fase, que será um "mata-mata", com jogos de ida e volta. Até se conhecer as duas finalistas -informou Gleiysson Prado, diretor técnico da FSF.
Uma decisão polêmica foi quanto à idade dos atletas. Ficou definido que a competição será sub 23. Porém, cada equipe tem o direito de colocar até três atletas com idade acima desse limite. Por sugestão do presidente do Guarany de Porto da Folha aprovado por unanimidade, o troféu de campeão receberá o nome do desportista Juca Dantas, irmão do presidente Milton Dantas, recentemente falecido.