Polícia apreende seis carros que faziam racha na Sarney

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 08/06/2018 às 06:53:00

 

Gabriel Damásio
Seis veículos foram 
apreendidos pela 
Polícia Militar na noite desta quarta-feira, ao serem flagrados disputando um racha de rua nas imediações da Rodovia José Sarney, na Aruana (zona de expansão de Aracaju). Segundo a PM, uma equipe do Batalhão de Policiamento de Turismo (BPTur) realizava rondas de rotina e receberam do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) informações sobre um racha que estaria sendo realizado na rodovia. 
Chegando ao local indicado, os policiais não encontraram irregularidades, mas em conversa com populares que estavam no local foram informados de que o grupo responsável pela corrida havia se deslocado para a rodovia em direção à Praia do Viral. Os militares receberam um novo chamado do Ciosp informando a nova localidade da corrida. Os policiais então flagraram diversos veículos com faróis acessos ocupando as duas vias da rodovia. Ao se aproximarem com o giroflex da viatura desligado, foi observado que seis veículos estariam em fila dupla. No momento em que os PMs anunciaram a abordagem, um dos veículos acelerou e fugiu até não ser mais alcançado.
Na abordagem, os demais veículos desligaram os motores e os condutores e passageiros desembarcaram. Durante a abordagem, os militares observaram que um veículo modelo Corolla prata estava posicionado a trezentos metros e onde estavam os dois primeiros carros que iriam sair para nova disputa tendo a função de "marcador de tempo" para a disputa. Os veículos apreendidos foram um Fiat Punto turbo Jet, um Audi Q3, um Punto TJet, um Polo/VW e BMW 320i, sendo todos com motores de alta potência e adaptados para empreender altas velocidades. 
Foi solicitado apoio de outras guarnições para o rebocamento dos veículos e auxílio na transferência dos suspeitos. Os carros foram conduzidos o posto do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv) e posteriormente encaminhados ao pátio do Departamento Estadual de Transito (Detran/SE). Os motoristas dos veículos envolvidos e identificados como participantes da disputa foram conduzidos à Delegacia Plantonista Sul onde foram autuados em flagrante. Todos terão que pagar fianças entre R$ 4.700 e R$ 7.700 para responderem ao processo em liberdade. Até o fechamento desta edição, dois dos acusados pagaram a fiança e foram liberados.  
A disputa de corridas ilegais de rua, conhecidas como rachas, é considerada crime pelo Código Brasileiro de Trânsito, sendo punível com multa, suspensão do direito de dirigir e pena máxima de três anos de prisão, que pode subir para 10 anos em caso de acidentes com morte. 

Seis veículos foram  apreendidos pela  Polícia Militar na noite desta quarta-feira, ao serem flagrados disputando um racha de rua nas imediações da Rodovia José Sarney, na Aruana (zona de expansão de Aracaju). Segundo a PM, uma equipe do Batalhão de Policiamento de Turismo (BPTur) realizava rondas de rotina e receberam do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) informações sobre um racha que estaria sendo realizado na rodovia. 
Chegando ao local indicado, os policiais não encontraram irregularidades, mas em conversa com populares que estavam no local foram informados de que o grupo responsável pela corrida havia se deslocado para a rodovia em direção à Praia do Viral. Os militares receberam um novo chamado do Ciosp informando a nova localidade da corrida. Os policiais então flagraram diversos veículos com faróis acessos ocupando as duas vias da rodovia. Ao se aproximarem com o giroflex da viatura desligado, foi observado que seis veículos estariam em fila dupla. No momento em que os PMs anunciaram a abordagem, um dos veículos acelerou e fugiu até não ser mais alcançado.
Na abordagem, os demais veículos desligaram os motores e os condutores e passageiros desembarcaram. Durante a abordagem, os militares observaram que um veículo modelo Corolla prata estava posicionado a trezentos metros e onde estavam os dois primeiros carros que iriam sair para nova disputa tendo a função de "marcador de tempo" para a disputa. Os veículos apreendidos foram um Fiat Punto turbo Jet, um Audi Q3, um Punto TJet, um Polo/VW e BMW 320i, sendo todos com motores de alta potência e adaptados para empreender altas velocidades. 
Foi solicitado apoio de outras guarnições para o rebocamento dos veículos e auxílio na transferência dos suspeitos. Os carros foram conduzidos o posto do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv) e posteriormente encaminhados ao pátio do Departamento Estadual de Transito (Detran/SE). Os motoristas dos veículos envolvidos e identificados como participantes da disputa foram conduzidos à Delegacia Plantonista Sul onde foram autuados em flagrante. Todos terão que pagar fianças entre R$ 4.700 e R$ 7.700 para responderem ao processo em liberdade. Até o fechamento desta edição, dois dos acusados pagaram a fiança e foram liberados.  
A disputa de corridas ilegais de rua, conhecidas como rachas, é considerada crime pelo Código Brasileiro de Trânsito, sendo punível com multa, suspensão do direito de dirigir e pena máxima de três anos de prisão, que pode subir para 10 anos em caso de acidentes com morte.