LDO é aprovada em primeira votação na Assembleia

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 13/06/2018 às 08:07:00

 

Na manhã desta terça-
feira, os deputados 
estaduais da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) apreciaram e aprovaram, nas comissões e em plenário,  alguns Projetos de Leis. Dentre os projetos aprovados na Sala de Comissões está o projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias  (LDO) do exercício de 2019. A LDO passou por sua primeira etapa de votação, faltando ainda duas votações para projeto ser aprovado pelos parlamentares. A lei orçamentária tem como objetivo estabelecer as diretrizes, prioridades e metas da administração, orientando a elaboração da proposta orçamentária de cada exercício financeiro.
Coordenada pelo presidente Luciano Bispo, votação contemplou 26 projetos, sendo o número de 15 destinado a Projetos de Leis Ordinárias, do Executivo e do Poder Judiciário. Demais projetos foram de Resolução, elaborados pelos deputados da Casa Legislativa que concedem títulos de Cidadania Sergipana. Não houve nesta etapa de  votação nenhuma propositura em regime de urgência.
As votações de ontem reuniram os membros das comissões de Constituição e Justiça; Economia e Finanças, e  de Administração e Serviços Públicos.

Na manhã desta terça- feira, os deputados  estaduais da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) apreciaram e aprovaram, nas comissões e em plenário,  alguns Projetos de Leis. Dentre os projetos aprovados na Sala de Comissões está o projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias  (LDO) do exercício de 2019. A LDO passou por sua primeira etapa de votação, faltando ainda duas votações para projeto ser aprovado pelos parlamentares. A lei orçamentária tem como objetivo estabelecer as diretrizes, prioridades e metas da administração, orientando a elaboração da proposta orçamentária de cada exercício financeiro.
Coordenada pelo presidente Luciano Bispo, votação contemplou 26 projetos, sendo o número de 15 destinado a Projetos de Leis Ordinárias, do Executivo e do Poder Judiciário. Demais projetos foram de Resolução, elaborados pelos deputados da Casa Legislativa que concedem títulos de Cidadania Sergipana. Não houve nesta etapa de  votação nenhuma propositura em regime de urgência.
As votações de ontem reuniram os membros das comissões de Constituição e Justiça; Economia e Finanças, e  de Administração e Serviços Públicos.