Diego Costa lamenta 'infelicidade' da Espanha

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Atacante sergipano foi o destaque da Espanha contra Portugal na estreia na Copa do Mundo da Rússia
Atacante sergipano foi o destaque da Espanha contra Portugal na estreia na Copa do Mundo da Rússia

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 17/06/2018 às 11:13:00

 

Espanha e Portugal corresponderam à expectativa e fizeram um grande jogo nesta sexta-feira, na estreia das seleções na Copa do Mundo. Os espanhóis estiveram atrás no placar em duas oportunidades, buscaram a virada, mas viram Cristiano Ronaldo marcar seu terceiro gol na partida e definir o empate por 3 a 3 em uma linda cobrança de falta, já aos 42 minutos do segundo tempo.
"A gente conseguiu buscar o resultado duas vezes e tivemos o controle do jogo durante todo o tempo. Foi uma infelicidade nossa, num golaço de um jogador como o Cristiano, que marcou de falta e empatou o jogo. O que vale é o espírito do time, que conseguiu ir atrás do resultado duas vezes, o que não é fácil numa Copa do Mundo", declarou o atacante Diego Costa.
Nascido na cidade de Lagarto-SE e naturalizado espanhol, o atacante foi o destaque espanhol na partida, ao marcar os dois primeiros gols da seleção. Está ao lado do russo Cheryshev e atrás justamente de Ronaldo na artilharia, um sonho do jogador.
"Sonho com muitas coisas na vida. Todo ser humano tem que ter sonhos", disse ao ser perguntado sobre a possibilidade de terminar como maior goleador do torneio.
Depois de encarar Portugal, a Espanha se prepara para seu segundo compromisso na Copa do Mundo, diante do Irã, quarta-feira que vem, em Kazan. Cinco dias mais tarde, a equipe fecha a primeira fase contra Marrocos, em Kaliningrado.
- A gente vem com sonho de chegar ao mais longe, que é ser campeão, mas sabemos que tem outras favoritas. O Brasil é uma força, a maior favorita de todas, por tudo que tem demonstrado e a volta por cima que deu com Tite - afirmou o atacante, na zona mista.

Espanha e Portugal corresponderam à expectativa e fizeram um grande jogo nesta sexta-feira, na estreia das seleções na Copa do Mundo. Os espanhóis estiveram atrás no placar em duas oportunidades, buscaram a virada, mas viram Cristiano Ronaldo marcar seu terceiro gol na partida e definir o empate por 3 a 3 em uma linda cobrança de falta, já aos 42 minutos do segundo tempo.
"A gente conseguiu buscar o resultado duas vezes e tivemos o controle do jogo durante todo o tempo. Foi uma infelicidade nossa, num golaço de um jogador como o Cristiano, que marcou de falta e empatou o jogo. O que vale é o espírito do time, que conseguiu ir atrás do resultado duas vezes, o que não é fácil numa Copa do Mundo", declarou o atacante Diego Costa.
Nascido na cidade de Lagarto-SE e naturalizado espanhol, o atacante foi o destaque espanhol na partida, ao marcar os dois primeiros gols da seleção. Está ao lado do russo Cheryshev e atrás justamente de Ronaldo na artilharia, um sonho do jogador.
"Sonho com muitas coisas na vida. Todo ser humano tem que ter sonhos", disse ao ser perguntado sobre a possibilidade de terminar como maior goleador do torneio.
Depois de encarar Portugal, a Espanha se prepara para seu segundo compromisso na Copa do Mundo, diante do Irã, quarta-feira que vem, em Kazan. Cinco dias mais tarde, a equipe fecha a primeira fase contra Marrocos, em Kaliningrado.
- A gente vem com sonho de chegar ao mais longe, que é ser campeão, mas sabemos que tem outras favoritas. O Brasil é uma força, a maior favorita de todas, por tudo que tem demonstrado e a volta por cima que deu com Tite - afirmou o atacante, na zona mista.