Aperipê transmite o Arraiá do Povo para SE e BA

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 22/06/2018 às 06:57:00

 

Nos dias 22, 23 e 24 de junho, as rádios Aperipê AM 630 e FM 104,9 e a Aperipê TV canal 6.1 farão uma cobertura exclusiva, e em cadeia, da festa junina mais charmosa do estado de Sergipe, o Arraiá do Povo, que está em sua XI edição, na Orla da Atalaia. O evento, que integra o Encontro Nordestino de Cultura, realizado pelo Governo de Sergipe, por meio da Secretaria Estadual de Cultura (Secult), será levado também para o Estado da Bahia, numa parceria com a TV Baiana.
Já nesta sexta-feira, 22, o Jornal da Aperipê será exibido diretamente do Arraiá do Povo, numa edição especial com 1h de duração, das 18h30 às 19h30, fazendo a abertura da transmissão. E partir das 22h da noite, todo Sergipe e parte do Estado vizinho acompanharão pela televisão e pelo rádio, na íntegra, os shows das atrações de uma das principais festividades juninas do Estado.
Foi montada uma estrutura especial para a transmissão ao vivo. Na Aperipê TV, os apresentadores Anne Samara, Elton Ricarte e Zito Costa, serão os anfitriões que comentarão as imagens de cada noite. A expectativa do diretor-presidente da Fundação Aperipê, Givaldo Ricardo, é oferecer o melhor padrão em qualidade de áudio e vídeo para os telespectadores e ouvintes da Aperipê.
"Esse ano teremos uma novidade, que é a transmissão em fibra ótica, será a primeira transmissão com internet de altíssima qualidade para elevar ainda mais a nossa cultura, a nossa sergipanidade para todos aqueles que nos acompanham. E com o plus da parceria com a TV Baiana, para que nossos vizinhos possam conhecer um pouco mais e melhor o nosso São João", disse.
Aperipê AM e FM - No rádio a alegria vai durar mais um pouco. Após os três dias de cobertura em cadeia junto com a televisão, nas emissoras AM e FM simultaneamente, os apresentadores do Programa Mural, Tanit Bezerra e Ricardo Gama, entrarão ao vivo a partir do dia 25 e continuarão a transmitir as atrações das demais noites do Arraiá do Povo até o dia 30, quando se encerra o evento.
Além de contar tudo com a animação que só o São João de Sergipe tem, haverá nas transmissões muita informação, entrevistas com artistas e personalidades, bem como reportagens inéditas sobre as tradições em diversas cidades do interior darão a tônica de toda a cobertura.
No jornalismo, a maior festividade popular sergipana também tem sido prestigiada. Matérias diárias com a temática junina, cobertura de eventos na capital e no interior, tem feito parte do Jornal da Aperipê, que é exibido na TV de segunda a sexta a partir das 18h30, além de VTs nos intervalos da programação.
Além da transmissão do evento, até o final do mês a programação musical das rádios Aperipê AM 630 e FM 104,9 será especialmente dedicada ao Forró. A maior parte dos programas terá um repertório selecionado, com os clássicos e os novos sucessos do ritmo mais sergipano e nordestino de todos. Um exemplo disso é o Arraiá do programa Nação Nordestina, aos domingos, que durante o resto do ano abre espaço para os mais diversos segmentos musicais com origem na região Nordeste, mas neste mês é exclusivo de forró.

Nos dias 22, 23 e 24 de junho, as rádios Aperipê AM 630 e FM 104,9 e a Aperipê TV canal 6.1 farão uma cobertura exclusiva, e em cadeia, da festa junina mais charmosa do estado de Sergipe, o Arraiá do Povo, que está em sua XI edição, na Orla da Atalaia. O evento, que integra o Encontro Nordestino de Cultura, realizado pelo Governo de Sergipe, por meio da Secretaria Estadual de Cultura (Secult), será levado também para o Estado da Bahia, numa parceria com a TV Baiana.
Já nesta sexta-feira, 22, o Jornal da Aperipê será exibido diretamente do Arraiá do Povo, numa edição especial com 1h de duração, das 18h30 às 19h30, fazendo a abertura da transmissão. E partir das 22h da noite, todo Sergipe e parte do Estado vizinho acompanharão pela televisão e pelo rádio, na íntegra, os shows das atrações de uma das principais festividades juninas do Estado.
Foi montada uma estrutura especial para a transmissão ao vivo. Na Aperipê TV, os apresentadores Anne Samara, Elton Ricarte e Zito Costa, serão os anfitriões que comentarão as imagens de cada noite. A expectativa do diretor-presidente da Fundação Aperipê, Givaldo Ricardo, é oferecer o melhor padrão em qualidade de áudio e vídeo para os telespectadores e ouvintes da Aperipê.
"Esse ano teremos uma novidade, que é a transmissão em fibra ótica, será a primeira transmissão com internet de altíssima qualidade para elevar ainda mais a nossa cultura, a nossa sergipanidade para todos aqueles que nos acompanham. E com o plus da parceria com a TV Baiana, para que nossos vizinhos possam conhecer um pouco mais e melhor o nosso São João", disse.
Aperipê AM e FM - No rádio a alegria vai durar mais um pouco. Após os três dias de cobertura em cadeia junto com a televisão, nas emissoras AM e FM simultaneamente, os apresentadores do Programa Mural, Tanit Bezerra e Ricardo Gama, entrarão ao vivo a partir do dia 25 e continuarão a transmitir as atrações das demais noites do Arraiá do Povo até o dia 30, quando se encerra o evento.
Além de contar tudo com a animação que só o São João de Sergipe tem, haverá nas transmissões muita informação, entrevistas com artistas e personalidades, bem como reportagens inéditas sobre as tradições em diversas cidades do interior darão a tônica de toda a cobertura.
No jornalismo, a maior festividade popular sergipana também tem sido prestigiada. Matérias diárias com a temática junina, cobertura de eventos na capital e no interior, tem feito parte do Jornal da Aperipê, que é exibido na TV de segunda a sexta a partir das 18h30, além de VTs nos intervalos da programação.
Além da transmissão do evento, até o final do mês a programação musical das rádios Aperipê AM 630 e FM 104,9 será especialmente dedicada ao Forró. A maior parte dos programas terá um repertório selecionado, com os clássicos e os novos sucessos do ritmo mais sergipano e nordestino de todos. Um exemplo disso é o Arraiá do programa Nação Nordestina, aos domingos, que durante o resto do ano abre espaço para os mais diversos segmentos musicais com origem na região Nordeste, mas neste mês é exclusivo de forró.