Brasil escalado para enfrentar a Sérvia

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Tite comandou em Moscou, o último treino da Seleção Brasileira, antes do encontro decisivo conta a Sérvia
Tite comandou em Moscou, o último treino da Seleção Brasileira, antes do encontro decisivo conta a Sérvia

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 27/06/2018 às 06:46:00

 

Givaldo Batista
givaldobs@yahoo.com.br
A Seleção Brasileira 
fez nesta terça-feira 
o treino de reconhecimento do gramado do Estádio Spartak, em Moscou, onde enfrentará a Sérvia, na última rodada do grupo E da Copa do Mundo da Rússia. O técnico Tite já definiu a equipe que entrará em campo nesta quarta-feira 27, às 15h (horário de Brasília). Será o mesmo time que começou o jogo contra a Costa Rica: Alisson, Fágner, Miranda, Thiago Silva e Marcelo; Casemiro, Paulinho e Philippe Coutinho; Willian, Neymar e Gabriel Jesus. 
Desta vez, o capitão será o zagueiro Miranda. "Fico feliz em mais uma vez representar todo o grupo de capitães, todo o grupo da seleção brasileira. Se eu chegar à final e ganhar, posso ser capitão ou não, minha felicidade vai ser imensa, sendo ou não capitão", disse Miranda. 
O treinamento foi aquele que é cronometrado pela FIFA e tem exatamente uma hora de duração. O técnico comandou o tradicional trabalho fantasma, quando exercita a movimentação e o posicionamento da equipe sem um adversário do outro lado. 
Na sequência, os jogadores trabalharam bolas paradas ofensivas e defensivas. "A Sérvia tem a característica, sim, de bola aérea ofensiva, mas também a qualidade técnica individual. Jogadores de alto nível também. Temos a condição de neutralizar, evitar situações próximas, de faltas laterais, encurtar ou bloquear, e tirar proveito de alguma situação", disse Tite.
 A Seleção Brasileira é líder do Grupo E, com quatro pontos. Em caso de vitória, a equipe brasileira se classifica como primeiro do bloco. O empate também garante o Brasil nas Oitavas. No outro jogo decisivo do grupo, jogam Suíça e Costa Rica. Os Suíços têm a mesma pontuação que a equipe Canarinho. Se a Costa Rica, já eliminada, vencer este duelo, a Seleção se classifica em primeiro do grupo mesmo com um empate contra os sérvios.

A Seleção Brasileira  fez nesta terça-feira  o treino de reconhecimento do gramado do Estádio Spartak, em Moscou, onde enfrentará a Sérvia, na última rodada do grupo E da Copa do Mundo da Rússia. O técnico Tite já definiu a equipe que entrará em campo nesta quarta-feira 27, às 15h (horário de Brasília). Será o mesmo time que começou o jogo contra a Costa Rica: Alisson, Fágner, Miranda, Thiago Silva e Marcelo; Casemiro, Paulinho e Philippe Coutinho; Willian, Neymar e Gabriel Jesus. 
Desta vez, o capitão será o zagueiro Miranda. "Fico feliz em mais uma vez representar todo o grupo de capitães, todo o grupo da seleção brasileira. Se eu chegar à final e ganhar, posso ser capitão ou não, minha felicidade vai ser imensa, sendo ou não capitão", disse Miranda. 
O treinamento foi aquele que é cronometrado pela FIFA e tem exatamente uma hora de duração. O técnico comandou o tradicional trabalho fantasma, quando exercita a movimentação e o posicionamento da equipe sem um adversário do outro lado. 
Na sequência, os jogadores trabalharam bolas paradas ofensivas e defensivas. "A Sérvia tem a característica, sim, de bola aérea ofensiva, mas também a qualidade técnica individual. Jogadores de alto nível também. Temos a condição de neutralizar, evitar situações próximas, de faltas laterais, encurtar ou bloquear, e tirar proveito de alguma situação", disse Tite.
 A Seleção Brasileira é líder do Grupo E, com quatro pontos. Em caso de vitória, a equipe brasileira se classifica como primeiro do bloco. O empate também garante o Brasil nas Oitavas. No outro jogo decisivo do grupo, jogam Suíça e Costa Rica. Os Suíços têm a mesma pontuação que a equipe Canarinho. Se a Costa Rica, já eliminada, vencer este duelo, a Seleção se classifica em primeiro do grupo mesmo com um empate contra os sérvios.