Transexual é perseguida e morta a tiros em Lagarto

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 27/06/2018 às 07:15:00

 

Uma transexual iden
tificada como Bru
na da Conceição, 33 anos, foi assassinada na noite desta segunda-feira no bairro Novo Horizonte, em Lagarto (Centro-Sul). Segundo testemunhas, ela foi perseguida por dois homens que estavam em uma moto e a encontraram chegando na casa de um dos irmãos. A vítima chegou a tentar se esconder na residência, mas foi baleada pelo garupa da moto, que disparou vários tiros. Os bandidos fugiram em seguida. 
O corpo foi recolhido ao Instituto Médico Legal (IML) na madrugada de ontem. A polícia ouviu depoimentos de testemunhas e familiares durante todo o dia, mas ainda não tem pistas sobre os autores ou a motivação do crime. 
Ex-presidiário - Também em Lagarto, na tarde de ontem, em uma operação conjunta das polícias Civil e Militar resultou na morte do ex-presidiário Douglas Fagundes Teles, conhecido como "Pacho" ou "Risadinha", de 26 anos. O suspeito possuía um mandado de prisão em aberto pela prática do crime de roubo e foi encontrado pelos policiais no interior da residência de uma companheira, localizada no povoado Jenipapo, no mesmo município. 
De acordo com a polícia, ao ser abordado, o suspeito sacou um revólver e efetuou disparos contra os policiais, que revidaram a agressão. O homem foi socorrido e encaminhado ao Hospital Regional de Lagarto, mas não resistiu e morreu. Além do revólver, foram apreendidos diversos pinos de cocaína, trouxinhas de maconha, munição e uma motocicleta com restrição de roubo.

Uma transexual iden tificada como Bru na da Conceição, 33 anos, foi assassinada na noite desta segunda-feira no bairro Novo Horizonte, em Lagarto (Centro-Sul). Segundo testemunhas, ela foi perseguida por dois homens que estavam em uma moto e a encontraram chegando na casa de um dos irmãos. A vítima chegou a tentar se esconder na residência, mas foi baleada pelo garupa da moto, que disparou vários tiros. Os bandidos fugiram em seguida. 
O corpo foi recolhido ao Instituto Médico Legal (IML) na madrugada de ontem. A polícia ouviu depoimentos de testemunhas e familiares durante todo o dia, mas ainda não tem pistas sobre os autores ou a motivação do crime. 

Ex-presidiário - Também em Lagarto, na tarde de ontem, em uma operação conjunta das polícias Civil e Militar resultou na morte do ex-presidiário Douglas Fagundes Teles, conhecido como "Pacho" ou "Risadinha", de 26 anos. O suspeito possuía um mandado de prisão em aberto pela prática do crime de roubo e foi encontrado pelos policiais no interior da residência de uma companheira, localizada no povoado Jenipapo, no mesmo município. 
De acordo com a polícia, ao ser abordado, o suspeito sacou um revólver e efetuou disparos contra os policiais, que revidaram a agressão. O homem foi socorrido e encaminhado ao Hospital Regional de Lagarto, mas não resistiu e morreu. Além do revólver, foram apreendidos diversos pinos de cocaína, trouxinhas de maconha, munição e uma motocicleta com restrição de roubo.