Acusados reagem a ação policial e um acaba morto

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 12/07/2018 às 01:20:00

Um suspeito morreu e outro foi preso na noite desta terça-feira em Nossa Senhora das Dores (Médio Sertão). Eles foram denunciados à polícia como suspeitos de cometerem assaltos a pedestres no centro comercial da cidade, a bordo de uma moto CB 300. Agentes da Delegacia de Polícia de Dores começaram a fazer buscas pela região, até conseguirem localizar os suspeitos. De acordo com a polícias, eles desobedeceram à voz de parada, fugiram e deram início a uma perseguição, que só terminou no povoado Sabinópolis, em Siriri.

Na abordagem dos policiais, o ex-presidiário Geovânio Vieira dos Santos Gonçalves, o 'Dedeco', 19 anos, desceu e ficou no chão com as mãos para trás. Já o acompanhante dele, Guilherme Santos Ferreira, 19 anos, saiu correndo e atirando na direção da viatura da polícia. Neste momento, os agentes revidaram e ele foi atingido no abdômen. O atirador foi levado ao pronto-socorro da cidade, mas não resistiu ao ferimento e morreu. Um revólver calibre 38 foi apreendido com a dupla.

A moto CB 300, que os dois indivíduos utilizavam, foi apreendida e levada à Delegacia para as medidas cabíveis. Foi verificada a divergência na numeração do chassi da motocicleta via Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) e constatou-se que a mesma está em situação legal, porém a placa utilizada na motocicleta consta com restrições de roubo/furto, ocorrido na cidade de Rosário do Catete. O delegado Marcos Garcia, responsável pela unidade de Dores, pede que as vítimas dos dois acusados compareçam à delegacia para fazer o reconhecimento deles e prestar depoimentos.