Sub-16 do Confiança segue hoje para África

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O treinado Edmilson Santos fala da satisfação da equipe Sub-16 do Confiança, de representar o Brasil em uma competição internacional
O treinado Edmilson Santos fala da satisfação da equipe Sub-16 do Confiança, de representar o Brasil em uma competição internacional

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 20/07/2018 às 09:00:00

 

Givaldo Batista
givaldobs@yahoo.com.br
Foi difícil para a Con
federação Brasileira 
de Desporto Escolar (CBDE) definir uma logística para a chegada da delegação do Sub-16 do Confiança até a cidade de São Tomé e Príncipe, onde representará o futebol brasileiro nos XI Jogos da Comunidade de Países da Língua Portuguesa (CPLP) no período de 21 a 28 deste mês de julho.
Finalmente na tarde desta quinta-feira, o presidente licenciado da CBDE, o secretário Antônio Hora Filho recebeu toda a programação de viagem, com logística de imediato passou para os dirigentes do Confiança.  
A delegação dos jovens atletas do Confiança deixa Aracaju às 13h00 desta sexta-feira por via rodoviária até Salvador. De lá segue no voo da TAP para Lisboa chegando na manhã de sábado. De lá pega outro voo até São Tomé e Príncipe local da competição.
A estreia do Brasil será no dia 23 de julho contra a seleção de Cabo Verde. No dia 25 o Brasil enfrenta Timor Leste e encerra a participação na fase de classificação contra Moçambique no dia 26 de julho. Segundo o regulamento, cada partida terá a duração de 80 minutos com dois tempos de 40 minutos. Em caso de empate no tempo normal, a equipe vencedora será conhecida através da cobrança de pênaltis.
O treinador Edmilson Santos comandou o treino apronto na tarde da quinta-feira no Sabino Ribeiro quando deixou a equipe quase definida. Sobre a participação do Confiança nessa competição, Edmilson disse que era uma honra para ele e todo o elenco, participar de uma competição internacional de tão alto nível, representando o futebol brasileiro.
- Estou feliz por voltar ao velho continente depois de muitos anos. Agora comandando uma garotada sub-16 já que lá estive como jogador profissional, principal representando o futebol sergipano, o futebol brasileiro. Estamos preparados, trabalhamos muito a garotada está eufórica com a viagem. Esperamos que eles aprendem muito e possam aplicar em suas vidas de atletas de futebol - disse Edmilson Santos, que dirige a equipe brasileira nos jogos da CPLP.        

Foi difícil para a Con federação Brasileira  de Desporto Escolar (CBDE) definir uma logística para a chegada da delegação do Sub-16 do Confiança até a cidade de São Tomé e Príncipe, onde representará o futebol brasileiro nos XI Jogos da Comunidade de Países da Língua Portuguesa (CPLP) no período de 21 a 28 deste mês de julho.
Finalmente na tarde desta quinta-feira, o presidente licenciado da CBDE, o secretário Antônio Hora Filho recebeu toda a programação de viagem, com logística de imediato passou para os dirigentes do Confiança.  
A delegação dos jovens atletas do Confiança deixa Aracaju às 13h00 desta sexta-feira por via rodoviária até Salvador. De lá segue no voo da TAP para Lisboa chegando na manhã de sábado. De lá pega outro voo até São Tomé e Príncipe local da competição.
A estreia do Brasil será no dia 23 de julho contra a seleção de Cabo Verde. No dia 25 o Brasil enfrenta Timor Leste e encerra a participação na fase de classificação contra Moçambique no dia 26 de julho. Segundo o regulamento, cada partida terá a duração de 80 minutos com dois tempos de 40 minutos. Em caso de empate no tempo normal, a equipe vencedora será conhecida através da cobrança de pênaltis.
O treinador Edmilson Santos comandou o treino apronto na tarde da quinta-feira no Sabino Ribeiro quando deixou a equipe quase definida. Sobre a participação do Confiança nessa competição, Edmilson disse que era uma honra para ele e todo o elenco, participar de uma competição internacional de tão alto nível, representando o futebol brasileiro.
- Estou feliz por voltar ao velho continente depois de muitos anos. Agora comandando uma garotada sub-16 já que lá estive como jogador profissional, principal representando o futebol sergipano, o futebol brasileiro. Estamos preparados, trabalhamos muito a garotada está eufórica com a viagem. Esperamos que eles aprendem muito e possam aplicar em suas vidas de atletas de futebol - disse Edmilson Santos, que dirige a equipe brasileira nos jogos da CPLP.