Estão colhendo o que plantaram

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 26/07/2018 às 07:22:00

 

* Rômulo rodrigues
O terceiro final de semana de julho trouxe notícias alvissareiras para os que não desistem de acreditar na Democracia e na volta do Estado Democrático de Direito.
Sem nenhuma ordem cronológica vamos iniciar com a palavra de ordem de Lula em artigo na Folha de São Paulo, bem ao estilo de Chico Buarque: "Afastem de mim esse cale-se".
Esse brado contra a volta da censura prévia do Estado militar, entreguista e justiceiro, subordinado ao domínio americano; assim como foi a Ditadura Militar de 1964, faz explodir por todo o Brasil, manifestações espontâneas como as que aconteceram sábado no mercado municipal de Belo Horizonte, com 20 mil pessoas gritando "Lula livre" e no domingo em Curitiba onde, acompanhados  pelo trompete a multidão soltou o grito preso na garganta, de um povo que se envergonha da quadrilha que comanda a Lava jato e, o coro que tomou conta do espaço lotado foi: "Olê. Olê, Olá, Lula, Lula.
Na coluna de Lauro jardim, O Globo de domingo estampou; uma busca e apreensão da Polícia Federal na casa do Ministro do TCU, relator do processou que atestou que a presidenta Dilma tinha praticado as tais pedaladas fiscais que: segundo o colunista, não era coisa nenhuma; caiu da bicicleta ao ser encontrada em uma gaveta uma Escritura que trata da compra de uma Fazenda por R$ 3,5 milhões e declarada no Imposto de Renda com o valor de R$ 400 mil.
Conclusão: Um ladrão pedalador fez um relatório falso acusando uma Presidenta honesta, para provocar sua deposição e colocar, com Supremo com tudo; uma quadrilha no poder. "Atenção midiotizados; isso está na coluna de um porta-voz da Família Marinho".
A investida de O Globo para desmascarar a farsa do ministro do TCU pode já ser medo do que está acontecendo com a revista Veja.
A outrora Revista semanal de Jornalismo, desde que enveredou pelo caminho de ser apenas um panfleto semanal de propagação do ódio, foi caindo, caindo e hoje tem o seu comando dos herdeiros da Família Civita, expurgado e passa para as mãos dos credores financistas.
Notícias divulgadas no Site da Revista dão conta que um grupo significativo da Polícia Federal de Curitiba, antigos militantes da campanha de Aécio, agora que Moro está em desgraça, investe contra ele dizendo que o mesmo desrespeitou decisão judicial para manter lula Preso.
Lá de Minas vêm mais notícias boas; Lula lidera com 41% das intenções de votos e todos os outros juntos somam apenas 31% e Dilma lidera a corrida para o Senado e o Playboy que apostou no quanto pior melhor, decide se esconder por trás de uma tentativa de mandato de Deputado Federal para manter alguma capa de proteção; quem dizia, "não tenho culpa, votei no Aécio", agora tem uma grande chance de mostrar Ética e Caráter, se fizer um acampamento pedindo sua prisão.
Com toda certeza, a próxima explosão de apoio a Lula será no Rio de Janeiro, dia 28, sábado, no festival do "Lula Livre" com artistas do peso de Chico Buarque, Gilberto Gil e Beth Carvalho.
Lá da Espanha, a Bomba Relógio Ativada, que responde pelo nome de Tacla Duran, provocou o Lugar-Tenente da Operação de Curitiba sobre destampar panelas; "por falar em destampar panelas, se destampar a de Curitiba, tem coisa errada"? O silêncio, como resposta, indica que o antes todo poderoso tem muito medo do que Tacla Duran diz ter como provas.
Os atos seguidos de apoio a lula trazem à tona uma verdade inequívoca já mostrada pelos Institutos de Pesquisas que até torcem pela derrocada de lula. No IBOPE; seu Presidente anuncia: A Marina ainda sobrevive pela gordurinha acumulada das duas últimas eleições mas, vai derreter quando a campanha começar para valer.
Como o principal produto eleitoral da Lava Jato é Bolsonaro e até agora sua campanha tem servido apenas para diagnosticar qual o real número de imbecis que tem no País; a redução da campanha eleitoral para apenas 45 dias, além da intensa campanha de criminalização da política e a intensificação da aposta da mídia na apatia e desestímulo do eleitorado como última e desesperada oportunidade de tentar fraudar as eleições; caem ante toda a pressão popular em defesa do direito de Lula ser candidato, deixando asfaltada a estrada para ele ganhar a eleição no primeiro turno.  
E, ciente do seu papel histórico, Lula avança pra cima dos golpistas lançando eixos do seu programa de governo, bem ao gosto dos anseios populares com muito apoio de amplos seguimentos sociais.
Nas primeiras medidas citadas que já somam grande apoio popular temos: Acabar com a concentração dos meios de comunicação, democratizando as concessões de Rádios e Televisões; Reforma do judiciário com limitação de mandatos de Ministros de Tribunais Superiores; Reforma Tributária com controle dos lucros dos Bancos e taxação das grandes fortunas; Reforma Agrária com prioridade da Agroecologia; anulação de todos os leilões que entregou o Pré-Sal e as demais Estatais e Recuperação imediata da Economia com o Estado como indutor do desenvolvimento.
Ademais, há uma guinada à esquerda nas Américas, começando pela juventude no Partido Democrata dos EUA e Lula, ao declarar que vai instituir o Dia do Volto, anuncia que chegou a hora da virada.
* Rômulo Rodrigues é militante político

* Rômulo rodrigues


O terceiro final de semana de julho trouxe notícias alvissareiras para os que não desistem de acreditar na Democracia e na volta do Estado Democrático de Direito.Sem nenhuma ordem cronológica vamos iniciar com a palavra de ordem de Lula em artigo na Folha de São Paulo, bem ao estilo de Chico Buarque: "Afastem de mim esse cale-se".
Esse brado contra a volta da censura prévia do Estado militar, entreguista e justiceiro, subordinado ao domínio americano; assim como foi a Ditadura Militar de 1964, faz explodir por todo o Brasil, manifestações espontâneas como as que aconteceram sábado no mercado municipal de Belo Horizonte, com 20 mil pessoas gritando "Lula livre" e no domingo em Curitiba onde, acompanhados  pelo trompete a multidão soltou o grito preso na garganta, de um povo que se envergonha da quadrilha que comanda a Lava jato e, o coro que tomou conta do espaço lotado foi: "Olê. Olê, Olá, Lula, Lula.
Na coluna de Lauro jardim, O Globo de domingo estampou; uma busca e apreensão da Polícia Federal na casa do Ministro do TCU, relator do processou que atestou que a presidenta Dilma tinha praticado as tais pedaladas fiscais que: segundo o colunista, não era coisa nenhuma; caiu da bicicleta ao ser encontrada em uma gaveta uma Escritura que trata da compra de uma Fazenda por R$ 3,5 milhões e declarada no Imposto de Renda com o valor de R$ 400 mil.
Conclusão: Um ladrão pedalador fez um relatório falso acusando uma Presidenta honesta, para provocar sua deposição e colocar, com Supremo com tudo; uma quadrilha no poder. "Atenção midiotizados; isso está na coluna de um porta-voz da Família Marinho".
A investida de O Globo para desmascarar a farsa do ministro do TCU pode já ser medo do que está acontecendo com a revista Veja.
A outrora Revista semanal de Jornalismo, desde que enveredou pelo caminho de ser apenas um panfleto semanal de propagação do ódio, foi caindo, caindo e hoje tem o seu comando dos herdeiros da Família Civita, expurgado e passa para as mãos dos credores financistas.
Notícias divulgadas no Site da Revista dão conta que um grupo significativo da Polícia Federal de Curitiba, antigos militantes da campanha de Aécio, agora que Moro está em desgraça, investe contra ele dizendo que o mesmo desrespeitou decisão judicial para manter lula Preso.
Lá de Minas vêm mais notícias boas; Lula lidera com 41% das intenções de votos e todos os outros juntos somam apenas 31% e Dilma lidera a corrida para o Senado e o Playboy que apostou no quanto pior melhor, decide se esconder por trás de uma tentativa de mandato de Deputado Federal para manter alguma capa de proteção; quem dizia, "não tenho culpa, votei no Aécio", agora tem uma grande chance de mostrar Ética e Caráter, se fizer um acampamento pedindo sua prisão.
Com toda certeza, a próxima explosão de apoio a Lula será no Rio de Janeiro, dia 28, sábado, no festival do "Lula Livre" com artistas do peso de Chico Buarque, Gilberto Gil e Beth Carvalho.
Lá da Espanha, a Bomba Relógio Ativada, que responde pelo nome de Tacla Duran, provocou o Lugar-Tenente da Operação de Curitiba sobre destampar panelas; "por falar em destampar panelas, se destampar a de Curitiba, tem coisa errada"? O silêncio, como resposta, indica que o antes todo poderoso tem muito medo do que Tacla Duran diz ter como provas.
Os atos seguidos de apoio a lula trazem à tona uma verdade inequívoca já mostrada pelos Institutos de Pesquisas que até torcem pela derrocada de lula. No IBOPE; seu Presidente anuncia: A Marina ainda sobrevive pela gordurinha acumulada das duas últimas eleições mas, vai derreter quando a campanha começar para valer.
Como o principal produto eleitoral da Lava Jato é Bolsonaro e até agora sua campanha tem servido apenas para diagnosticar qual o real número de imbecis que tem no País; a redução da campanha eleitoral para apenas 45 dias, além da intensa campanha de criminalização da política e a intensificação da aposta da mídia na apatia e desestímulo do eleitorado como última e desesperada oportunidade de tentar fraudar as eleições; caem ante toda a pressão popular em defesa do direito de Lula ser candidato, deixando asfaltada a estrada para ele ganhar a eleição no primeiro turno.  
E, ciente do seu papel histórico, Lula avança pra cima dos golpistas lançando eixos do seu programa de governo, bem ao gosto dos anseios populares com muito apoio de amplos seguimentos sociais.
Nas primeiras medidas citadas que já somam grande apoio popular temos: Acabar com a concentração dos meios de comunicação, democratizando as concessões de Rádios e Televisões; Reforma do judiciário com limitação de mandatos de Ministros de Tribunais Superiores; Reforma Tributária com controle dos lucros dos Bancos e taxação das grandes fortunas; Reforma Agrária com prioridade da Agroecologia; anulação de todos os leilões que entregou o Pré-Sal e as demais Estatais e Recuperação imediata da Economia com o Estado como indutor do desenvolvimento.
Ademais, há uma guinada à esquerda nas Américas, começando pela juventude no Partido Democrata dos EUA e Lula, ao declarar que vai instituir o Dia do Volto, anuncia que chegou a hora da virada.
* Rômulo Rodrigues é militante político