Davysson Lima apresenta show permeado de músicas brasileiras e cubanas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 28/07/2018 às 04:52:00

 

Ao som do saxofone, acompanhado com o teclado eletrônico e a bateria, o músico Davysson Lima Trio encantou o público por meio de canções influenciadas pelo Jazz com pitadas brasileiras e cubanas. O show aconteceu na noite de 26 de julho, no Centro Cultural da capital, e foi mais uma realização da Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju), que toda quinta-feira traz para os sergipanos o melhor da música instrumental.
O professor do Conservatório de Música de Sergipe, Davysson lima, contou como foi a sua experiência em tocar pela primeira vez no palco do 'Quinta Instrumental'. "Para mim é motivo de muita alegria por mostrar um pouco do meu trabalho que tem grandes influências em músicas norte americanas, como John Coltrane e outros, mas com uma pegada bem regional. Parabenizo a Funcaju por incentivar e movimentar o nosso cenário musical, e que esse projeto se fortaleça ainda mais".
Quem roubou a cena foi o garoto de 16 anos, natural de Itabaianinha e aluno do professor Davysson, Breno Cardoso. O jovem foi o convidado especial da noite e fez uma bela apresentação, sendo ovacionado pelo público. "Foi uma grande oportunidade, porque essa foi a primeira vez que eu improviso com uma banda de alto nível. Eu me sinto honrado e grato ao mesmo tempo por estar aqui, só tenho a agradecer pelo convite", disse. 
O músico Fred Andrade, um pernambucano e frequentador assíduo do 'Quinta Instrumental', que, inclusive, já participou da primeira edição do projeto, contou sobre a sua experiência em ser a atração e o espectador. "Eu acho esse evento muito 'arretado', pois valoriza a música instrumental, e é um prazer ver os meus amigos tocarem. É muito importante a Funcaju trazer músicas desse estilo, inclusive para um espaço bem bonito que é o teatro João Costa", comentou. 

Ao som do saxofone, acompanhado com o teclado eletrônico e a bateria, o músico Davysson Lima Trio encantou o público por meio de canções influenciadas pelo Jazz com pitadas brasileiras e cubanas. O show aconteceu na noite de 26 de julho, no Centro Cultural da capital, e foi mais uma realização da Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju), que toda quinta-feira traz para os sergipanos o melhor da música instrumental.
O professor do Conservatório de Música de Sergipe, Davysson lima, contou como foi a sua experiência em tocar pela primeira vez no palco do 'Quinta Instrumental'. "Para mim é motivo de muita alegria por mostrar um pouco do meu trabalho que tem grandes influências em músicas norte americanas, como John Coltrane e outros, mas com uma pegada bem regional. Parabenizo a Funcaju por incentivar e movimentar o nosso cenário musical, e que esse projeto se fortaleça ainda mais".
Quem roubou a cena foi o garoto de 16 anos, natural de Itabaianinha e aluno do professor Davysson, Breno Cardoso. O jovem foi o convidado especial da noite e fez uma bela apresentação, sendo ovacionado pelo público. "Foi uma grande oportunidade, porque essa foi a primeira vez que eu improviso com uma banda de alto nível. Eu me sinto honrado e grato ao mesmo tempo por estar aqui, só tenho a agradecer pelo convite", disse. 
O músico Fred Andrade, um pernambucano e frequentador assíduo do 'Quinta Instrumental', que, inclusive, já participou da primeira edição do projeto, contou sobre a sua experiência em ser a atração e o espectador. "Eu acho esse evento muito 'arretado', pois valoriza a música instrumental, e é um prazer ver os meus amigos tocarem. É muito importante a Funcaju trazer músicas desse estilo, inclusive para um espaço bem bonito que é o teatro João Costa", comentou.