Saulo Ferreira levará repertório autoral para o Quinta Instrumental

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 08/08/2018 às 07:28:00

 

Guitarrista, compositor e professor de música da Universidade Federal de Sergipe, o artista Saulo Ferreira realizará show, pela primeira vez, no 'Quinta Instrumental', no dia 9 de agosto, a partir das 20h. O projeto é uma realização da Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju) e acontece, gratuitamente, no Centro Cultural da capital.
Em sua apresentação solo, Saulo contará com violão e uma guitarra acústica para reverenciar um repertório que, segundo ele, será mixado entre composições autorais e releituras de músicas que fizeram parte da sua história. "Minhas principais influências são jazz, música brasileira, música africana e música mineira. Mas, é claro que sempre estive atento, também, a música nordestina".
Atuante há 15 anos no cenário musical, o artista já participou de importantes festivais de músicas nacionais, como: a Feira de Música Brasil, o Circuito Nacional do Banco do Nordeste e o Sesc de Música. Além disso, realizou workshops de músicas em diferentes instituições de ensino, a exemplo da Universidade de Porto em Portugal.
Saulo fala sobre a sua estreia no 'Quinta Instrumental' e parabeniza a Funcaju por valorizar os músicos instrumentistas. "Tem muita gente nova fazendo música instrumental de altíssimo nível aqui em Aracaju. E, essa iniciativa da Funcaju possibilita para o nosso cenário musical um espaço de divulgação para o público", destacou.

Guitarrista, compositor e professor de música da Universidade Federal de Sergipe, o artista Saulo Ferreira realizará show, pela primeira vez, no 'Quinta Instrumental', no dia 9 de agosto, a partir das 20h. O projeto é uma realização da Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju) e acontece, gratuitamente, no Centro Cultural da capital.
Em sua apresentação solo, Saulo contará com violão e uma guitarra acústica para reverenciar um repertório que, segundo ele, será mixado entre composições autorais e releituras de músicas que fizeram parte da sua história. "Minhas principais influências são jazz, música brasileira, música africana e música mineira. Mas, é claro que sempre estive atento, também, a música nordestina".
Atuante há 15 anos no cenário musical, o artista já participou de importantes festivais de músicas nacionais, como: a Feira de Música Brasil, o Circuito Nacional do Banco do Nordeste e o Sesc de Música. Além disso, realizou workshops de músicas em diferentes instituições de ensino, a exemplo da Universidade de Porto em Portugal.
Saulo fala sobre a sua estreia no 'Quinta Instrumental' e parabeniza a Funcaju por valorizar os músicos instrumentistas. "Tem muita gente nova fazendo música instrumental de altíssimo nível aqui em Aracaju. E, essa iniciativa da Funcaju possibilita para o nosso cenário musical um espaço de divulgação para o público", destacou.