Betinho deve dirigir o Dragão no torneio

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O treinador Betinho deve continuar no Dragão e o Torneio deve ser o ponto de partida do planejamento para 2019
O treinador Betinho deve continuar no Dragão e o Torneio deve ser o ponto de partida do planejamento para 2019

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 17/08/2018 às 09:08:00

 

O treinador Betinho 
aguarda a palavra 
final dos dirigentes do Confiança, para iniciar o planejamento da equipe com vistas à próxima temporada. O treinador admite que os acertos serão definidos no máximo até a próxima semana.
Definida a permanência do treinador diretoria e comissão técnica darão início ao trabalho de planejamento da equipe. O treinador Betinho admite até, que a primeira parte, do ponto de partida será mesmo o torneio que a Federação Sergipana de Futebol (FSF) pretende em promover ainda este mês ou no início de setembro. 
Nessa competição o treinador já colocaria em campo uma equipe mesclada entre profissionais remanescentes do atual elenco e os jovens egressos das equipes de base, que serão aproveitados pelo treinador na próxima temporada.   
Betinho afirma que já teve uma conversa inicial com os dirigentes do Confiança e que tudo transcorreu como ele esperava. "Como existe interesse das duas partes, as negociações serão muito mais simples. Os problemas serão resultados com mais facilidades e a distância entre uma proposta e outra se aproxima, devido ao interesse de ambas as partes no prosseguimento do trabalho", revelou o treinador. 
Mesmo ainda não estando 100% encaminhada a renovação de Betinho, ele já fala como treinador do clube. Há chances de ele voltar a comandar o Dragão ainda este ano, pois a Federação Sergipana de Futebol estuda promover um torneio com Sergipe, Confiança, Itabaiana e Lagarto, com cota de participação e premiação para o campeão, uma receita que pode dar um fôlego para a próxima temporada.
-
 A gente espera realmente que se confirme esse torneio e a gente possa sagrar-se campeão e conseguir desse torneio uma parte financeira que a gente planeje para o ano seguinte. A ideia é estar participando com 10 ou 12 atletas profissionais e acrescentar os meninos dentro do trabalho para a gente ter uma noção de com quem pode trabalhar no ano que vem.

O treinador Betinho  aguarda a palavra  final dos dirigentes do Confiança, para iniciar o planejamento da equipe com vistas à próxima temporada. O treinador admite que os acertos serão definidos no máximo até a próxima semana.
Definida a permanência do treinador diretoria e comissão técnica darão início ao trabalho de planejamento da equipe. O treinador Betinho admite até, que a primeira parte, do ponto de partida será mesmo o torneio que a Federação Sergipana de Futebol (FSF) pretende em promover ainda este mês ou no início de setembro. 
Nessa competição o treinador já colocaria em campo uma equipe mesclada entre profissionais remanescentes do atual elenco e os jovens egressos das equipes de base, que serão aproveitados pelo treinador na próxima temporada.   
Betinho afirma que já teve uma conversa inicial com os dirigentes do Confiança e que tudo transcorreu como ele esperava. "Como existe interesse das duas partes, as negociações serão muito mais simples. Os problemas serão resultados com mais facilidades e a distância entre uma proposta e outra se aproxima, devido ao interesse de ambas as partes no prosseguimento do trabalho", revelou o treinador. 
Mesmo ainda não estando 100% encaminhada a renovação de Betinho, ele já fala como treinador do clube. Há chances de ele voltar a comandar o Dragão ainda este ano, pois a Federação Sergipana de Futebol estuda promover um torneio com Sergipe, Confiança, Itabaiana e Lagarto, com cota de participação e premiação para o campeão, uma receita que pode dar um fôlego para a próxima temporada.- A gente espera realmente que se confirme esse torneio e a gente possa sagrar-se campeão e conseguir desse torneio uma parte financeira que a gente planeje para o ano seguinte. A ideia é estar participando com 10 ou 12 atletas profissionais e acrescentar os meninos dentro do trabalho para a gente ter uma noção de com quem pode trabalhar no ano que vem.