Samu registra 83 atendimentos nos primeiros dias do Forró Caju

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 19/06/2012 às 11:52:00

Nas três primeiras noites do Forró Caju, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192 Sergipe) registrou 83 atendimentos, sendo 34 clínicos, 31 por ingestão de álcool e 16 casos de trauma. A estrutura montada no evento conta com 14 leitos, sendo 12 destinados à baixa e média complexidade e outros dois para estabilização.
Há também  uma Unidade de Suporte Básico (USB) e uma Unidade de Suporte Avançado (USA) para realizar remoções dos pacientes às unidades de saúde. "No posto de atendimento, conseguimos atender às demandas surgidas, realizando apenas 15 remoções para unidades de saúde através das viaturas disponíveis no evento", declarou o superintendente do serviço, Leonardo Coelho.

Complexidade - A depender da complexidade dos casos, os pacientes atendidos no Forró Caju são encaminhados para os hospitais municipais da Zona Norte ou da Zona Sul, sendo os casos mais graves para o Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). A cada noite, está sendo mantida uma equipe formada por 17 profissionais, além de uma equipe administrativa responsável pelas estatísticas e por manter contato direto com os plantonistas no almoxarifado, a fim de que a estrutura esteja sempre bem munida de insumos e outros materiais.
Para o enfermeiro Leonardo Tavares, a experiência adquirida após a prestação de serviços de saúde no Pré-Caju ajudou ainda mais na melhoria da prestação do serviço durante o  Forró Caju. "As equipes interagiram bem e mostraram maturidade diante das ocorrências, em especial, as mais graves, tipicamente registradas em fins de semana, quando o público se torna maior", garantiu.