Acidente grave deixa três sergipanos feridos em Alagoas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O veículo ficou completamente destruído
O veículo ficou completamente destruído

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 28/08/2018 às 07:31:00

 

Gabriel Damásio
Uma família sergipana 
se envolveu em um 
grave acidente ocorrido ontem à tarde no bairro do Trapiche, em Maceió (AL). Um WV Fox branco com placas de Aracaju perdeu o controle enquanto passava pela orla marítima da cidade e ficou desgovernado depois que o motorista passou mal ao volante. O veículo atravessou a pista do sentido sul, entrou na pista contrária e acertou um carro Hyundai HB 20. O choque deixou três pessoas feridas, incluindo o motorista do Fox, de 30 anos, a esposa dele e uma segunda mulher que acompanhava o casal. 
Testemunhas informaram que o carro desviou para a outra pista porque a esposa do motorista girou bruscamente para o lado, assim que ele passou mal. A manobra foi para evitar que o marido atropelasse uma motocicleta, que vinha no mesmo sentido. No entanto, a batida foi violenta, a ponto de deixar o Fox parcialmente destruído e arrancar o motor do veículo para fora. O motorista do Hyundai, que foi parar em cima de um calçadão, ficou preso nas ferragens e precisou ser resgatado por equipes do Corpo de Bombeiros.
Os dois condutores foram retirados e socorridos por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O motorista sergipano foi levado ao Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió, com ferimentos na perna esquerda. Até a noite de ontem, o estado de saúde dele era considerado estável. Já as duas passageiras tiveram ferimentos leves e foram atendidas no próprio local. O outro motorista foi internado em um hospital particular da capital alagoana. O tráfego na avenida ficou interditado após o fim dos trabalhos de resgate aos feridos e de perícia das autoridades locais de trânsito. 
Acidentes em Sergipe - Já neste domingo, quatro pessoas morreram em acidentes com motos no estado de Sergipe. Cleverton Santos Lima, 29 anos, e Robson Lima Santos Júnior, 16, moradores de Malhada dos Bois (Agreste), chegaram a ser socorridos por equipes de resgate do (Samu), mas não resistiram ao impacto após queda em alta velocidade. Segundo informações, o acidente aconteceu quando os dois estavam na moto, a caminho de casa, quando passavam na avenida principal do município, o condutor teria perdido o controle da direção da moto e colidiu com um poste e os dois morreram no local.
Em Pedrinhas (Leste), Raimundo Bezerra Araújo, de 61 anos também caiu de uma moto e chegou a ser levado ao setor de emergência do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), em Aracaju, mas não resistiu. Em São Cristóvão (Grande Aracaju), um homem ainda sem identificação foi atropelado quando transitava pelo quilômetro 103 da BR 101. E em Cristinápolis (Sul), Wellington Santos Henrique, 26 anos, morreu no choque entre uma moto e um caminhão.

Uma família sergipana  se envolveu em um  grave acidente ocorrido ontem à tarde no bairro do Trapiche, em Maceió (AL). Um WV Fox branco com placas de Aracaju perdeu o controle enquanto passava pela orla marítima da cidade e ficou desgovernado depois que o motorista passou mal ao volante. O veículo atravessou a pista do sentido sul, entrou na pista contrária e acertou um carro Hyundai HB 20. O choque deixou três pessoas feridas, incluindo o motorista do Fox, de 30 anos, a esposa dele e uma segunda mulher que acompanhava o casal. 
Testemunhas informaram que o carro desviou para a outra pista porque a esposa do motorista girou bruscamente para o lado, assim que ele passou mal. A manobra foi para evitar que o marido atropelasse uma motocicleta, que vinha no mesmo sentido. No entanto, a batida foi violenta, a ponto de deixar o Fox parcialmente destruído e arrancar o motor do veículo para fora. O motorista do Hyundai, que foi parar em cima de um calçadão, ficou preso nas ferragens e precisou ser resgatado por equipes do Corpo de Bombeiros.Os dois condutores foram retirados e socorridos por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O motorista sergipano foi levado ao Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió, com ferimentos na perna esquerda. Até a noite de ontem, o estado de saúde dele era considerado estável. Já as duas passageiras tiveram ferimentos leves e foram atendidas no próprio local. O outro motorista foi internado em um hospital particular da capital alagoana. O tráfego na avenida ficou interditado após o fim dos trabalhos de resgate aos feridos e de perícia das autoridades locais de trânsito. 

Acidentes em Sergipe - Já neste domingo, quatro pessoas morreram em acidentes com motos no estado de Sergipe. Cleverton Santos Lima, 29 anos, e Robson Lima Santos Júnior, 16, moradores de Malhada dos Bois (Agreste), chegaram a ser socorridos por equipes de resgate do (Samu), mas não resistiram ao impacto após queda em alta velocidade. Segundo informações, o acidente aconteceu quando os dois estavam na moto, a caminho de casa, quando passavam na avenida principal do município, o condutor teria perdido o controle da direção da moto e colidiu com um poste e os dois morreram no local.
Em Pedrinhas (Leste), Raimundo Bezerra Araújo, de 61 anos também caiu de uma moto e chegou a ser levado ao setor de emergência do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), em Aracaju, mas não resistiu. Em São Cristóvão (Grande Aracaju), um homem ainda sem identificação foi atropelado quando transitava pelo quilômetro 103 da BR 101. E em Cristinápolis (Sul), Wellington Santos Henrique, 26 anos, morreu no choque entre uma moto e um caminhão.