Campus de Lagarto forma primeira turma de Medicina

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O QUILOMBOLA JOÃO COSTA E SEUS PAIS DURANTE A FORMATURA EM LAGARTO
O QUILOMBOLA JOÃO COSTA E SEUS PAIS DURANTE A FORMATURA EM LAGARTO

Cerimônia de colação de grau da primeira turma de medicina do campus da UFS em Lagarto: um dia para ficar na história
Cerimônia de colação de grau da primeira turma de medicina do campus da UFS em Lagarto: um dia para ficar na história

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 29/08/2018 às 23:10:00

 

O campus de Lagarto 
realizou na terça-fei-
ra (28) a colação de grau da primeira turma de Medicina, com cerca de 50 alunos. A cerimônia foi comandada pelo reitor Angelo Antoniolli, com a presença do secretário estadual de Educação, Josué Modesto (reitor à época do planejamento), e implantação do campus, a diretora do campus, Adriana Carvalho, os pró-reitores de Assistência Estudantil, Mário Adriano dos Santos, e de graduação, Dilton Maynard, da professora Mércia Barbosa, da Universidade Estadual de Santa Cruz, o diretor pedagógico Frederico Leão Pinheiro e a chefe do Departamento de Medicina Rosiane Andrade Lima. A cerimônia contou com apresentação da orquestra da UFS.
O reitor Angelo Antoniolli destacou a importância de concluir um ciclo no campus Lagarto. É importante observar que a vitória é da UFS, que agora tem todos os cursos com turmas formadas, mas também da inclusão social, com estratégias de permanência dos alunos na universidade pública. Estamos muito orgulhosos", observa. O ex-reitor Josué Modesto considerou a noite "memorável". "O que fica é a sensação de dever cumprido", pontuou.
A professora Adriana Carvalho destacou que a formatura é uma vitória coletiva. "O momento é de celebrar os formandos e o campus, mas também os familiares, que são peças fundamentais nesta caminhada. Sei que vocês terão um ótimo futuro pela frente. Vocês tiveram os melhores professores e conhecem bem a realidade da saúde da região", ressaltou.
Um desses formandos foi o médico João da Costa, que destacou que a noite era a materialização de um sonho. "Lembrei toda a trajetória (minha e da minha turma). Agora, tenho que focar no que virá pela frente", disse. A história de João da Costa, do município de Simão Dias, foi pauta do noticiário estadual e nacional, em julho deste ano.

O campus de Lagarto  realizou na terça-fei- ra (28) a colação de grau da primeira turma de Medicina, com cerca de 50 alunos. A cerimônia foi comandada pelo reitor Angelo Antoniolli, com a presença do secretário estadual de Educação, Josué Modesto (reitor à época do planejamento), e implantação do campus, a diretora do campus, Adriana Carvalho, os pró-reitores de Assistência Estudantil, Mário Adriano dos Santos, e de graduação, Dilton Maynard, da professora Mércia Barbosa, da Universidade Estadual de Santa Cruz, o diretor pedagógico Frederico Leão Pinheiro e a chefe do Departamento de Medicina Rosiane Andrade Lima. A cerimônia contou com apresentação da orquestra da UFS.
O reitor Angelo Antoniolli destacou a importância de concluir um ciclo no campus Lagarto. É importante observar que a vitória é da UFS, que agora tem todos os cursos com turmas formadas, mas também da inclusão social, com estratégias de permanência dos alunos na universidade pública. Estamos muito orgulhosos", observa. O ex-reitor Josué Modesto considerou a noite "memorável". "O que fica é a sensação de dever cumprido", pontuou.
A professora Adriana Carvalho destacou que a formatura é uma vitória coletiva. "O momento é de celebrar os formandos e o campus, mas também os familiares, que são peças fundamentais nesta caminhada. Sei que vocês terão um ótimo futuro pela frente. Vocês tiveram os melhores professores e conhecem bem a realidade da saúde da região", ressaltou.
Um desses formandos foi o médico João da Costa, que destacou que a noite era a materialização de um sonho. "Lembrei toda a trajetória (minha e da minha turma). Agora, tenho que focar no que virá pela frente", disse. A história de João da Costa, do município de Simão Dias, foi pauta do noticiário estadual e nacional, em julho deste ano.