São Cristóvão promove Roda de Conversa sobre produção musical

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 01/09/2018 às 07:33:00

 

Promover um intercâmbio musical entre os artistas independentes do Estado. Este é um dos objetivos da "Roda de Conversa Produção Musical Independente", que acontecerá no dia 05 de setembro, às 16h, no República Bar (no Rosa Elze,  em frente a UFS). A iniciativa, que faz parte do projeto São Cristóvão Criativo, é gratuita e será realizada pela Coordenação de Tecnologias Sociais (CTSA) da Universidade Federal de Sergipe em parceria com a Prefeitura de São Cristóvão, por meio da Fundação Municipal de Cultura e Turismo João Bebe-Água (Fundact). 
O foco será discutir assuntos de interesse prático para músicos e outros atores da área cultural, incluindo as fases da produção musical: parte executiva, gravação, registro de obras e fonogramas à edição musical e também promoção nas redes sociais. 
"A troca de conhecimentos com músicos que atuam de forma independente no atual cenário, também faz parte da proposta do evento, que contará com a participação dos músicos Lauro Francise Fábio Cavalcante. Os convidados pretendem dividir experiências que poderão dar uma ajuda àqueles que sonham ou já começaram a produzir e publicar suas próprias obras", frisou a assessora técnica da Fundact, Elma Santos.
Os participantes - Lauro Francis é baixista e fundador da banda Cidade Dormitório - grupo que vem movimentando o circuito alternativo de Sergipe e alcançando cada vez mais reconhecimento nacional. Com mais de 10 anos vivenciando o movimento de arte independente, Lauro atua também como produtor de eventos, não só de sua banda como também de outros artistas, além de fazer parte do Coletivo Inferninho, que organiza eventos no bairro Rosa Elze, em São Cristóvão, e ocupa espaços públicos com cultura e arte popular.
Fábio Cavalcante tem 22 anos de carreira musical. Seu trabalho é salpicado de referências diversas, que vão da música tradicional brasileira até a experimentação eletroacústica. Já lançou sete discos, além de diversos singles (todos pelo seu próprio selo, o FGC Produções). Além dos seus próprios discos, também produziu discos e gravações de outros músicos. É graduado em Música pela Universidade do Estado do Pará. Compôs peças para diversas formações instrumentais (piano-solo, música de câmara, grande orquestra). É criador, ao lado do compositor Valério Fiel da Costa, do duo de música eletroacústica e improvisação livre 'Artesanato Furioso'. Também já produziu mais de 20 trilhas sonoras para teatro e vídeo.

Promover um intercâmbio musical entre os artistas independentes do Estado. Este é um dos objetivos da "Roda de Conversa Produção Musical Independente", que acontecerá no dia 05 de setembro, às 16h, no República Bar (no Rosa Elze,  em frente a UFS). A iniciativa, que faz parte do projeto São Cristóvão Criativo, é gratuita e será realizada pela Coordenação de Tecnologias Sociais (CTSA) da Universidade Federal de Sergipe em parceria com a Prefeitura de São Cristóvão, por meio da Fundação Municipal de Cultura e Turismo João Bebe-Água (Fundact). 
O foco será discutir assuntos de interesse prático para músicos e outros atores da área cultural, incluindo as fases da produção musical: parte executiva, gravação, registro de obras e fonogramas à edição musical e também promoção nas redes sociais. 
"A troca de conhecimentos com músicos que atuam de forma independente no atual cenário, também faz parte da proposta do evento, que contará com a participação dos músicos Lauro Francise Fábio Cavalcante. Os convidados pretendem dividir experiências que poderão dar uma ajuda àqueles que sonham ou já começaram a produzir e publicar suas próprias obras", frisou a assessora técnica da Fundact, Elma Santos.

Os participantes - Lauro Francis é baixista e fundador da banda Cidade Dormitório - grupo que vem movimentando o circuito alternativo de Sergipe e alcançando cada vez mais reconhecimento nacional. Com mais de 10 anos vivenciando o movimento de arte independente, Lauro atua também como produtor de eventos, não só de sua banda como também de outros artistas, além de fazer parte do Coletivo Inferninho, que organiza eventos no bairro Rosa Elze, em São Cristóvão, e ocupa espaços públicos com cultura e arte popular.
Fábio Cavalcante tem 22 anos de carreira musical. Seu trabalho é salpicado de referências diversas, que vão da música tradicional brasileira até a experimentação eletroacústica. Já lançou sete discos, além de diversos singles (todos pelo seu próprio selo, o FGC Produções). Além dos seus próprios discos, também produziu discos e gravações de outros músicos. É graduado em Música pela Universidade do Estado do Pará. Compôs peças para diversas formações instrumentais (piano-solo, música de câmara, grande orquestra). É criador, ao lado do compositor Valério Fiel da Costa, do duo de música eletroacústica e improvisação livre 'Artesanato Furioso'. Também já produziu mais de 20 trilhas sonoras para teatro e vídeo.