Presos dois acusados por tráfico de drogas em Pinhão

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 01/09/2018 às 07:44:00

 

Nessa quinta-feira, 30, policiais civis das Delegacias de Ribeirópolis e Nossa Senhora Aparecida prenderam Angelo Márcio Bomfim dos Santos, 38, e Maria Aparecida dos Santos, 37, acusados pelo crime de tráfico de drogas. Após as investigações que foram iniciadas na cidade de Ribeirópolis, os policiais foram para o município de Pinhão, onde realizaram as prisões.
Segundo o delegado Eurico Nascimento, os acusados já vinham sendo investigados e semanalmente recebiam drogas de fornecedores das cidades de Itabaiana e Ribeirópolis. Uma operação foi montada e, no momento da abordagem, os traficantes tentaram se desfazer dos entorpecentes, mas foram flagrados com as drogas e com uma quantia de R$ 160,00, além de 60 papelotes de maconha e crack. Na casa da acusada, ainda foram encontrados um tablete de crack e outro de maconha.
Angelo Márcio foi encaminhado para a Delegacia Regional de Itabaiana e Maria Aparecida foi levada para a 2ª Delegacia Metropolitana em Aracaju. Ambos permanecem custodiados à disposição da Justiça.

Nessa quinta-feira, 30, policiais civis das Delegacias de Ribeirópolis e Nossa Senhora Aparecida prenderam Angelo Márcio Bomfim dos Santos, 38, e Maria Aparecida dos Santos, 37, acusados pelo crime de tráfico de drogas. Após as investigações que foram iniciadas na cidade de Ribeirópolis, os policiais foram para o município de Pinhão, onde realizaram as prisões.
Segundo o delegado Eurico Nascimento, os acusados já vinham sendo investigados e semanalmente recebiam drogas de fornecedores das cidades de Itabaiana e Ribeirópolis. Uma operação foi montada e, no momento da abordagem, os traficantes tentaram se desfazer dos entorpecentes, mas foram flagrados com as drogas e com uma quantia de R$ 160,00, além de 60 papelotes de maconha e crack. Na casa da acusada, ainda foram encontrados um tablete de crack e outro de maconha.
Angelo Márcio foi encaminhado para a Delegacia Regional de Itabaiana e Maria Aparecida foi levada para a 2ª Delegacia Metropolitana em Aracaju. Ambos permanecem custodiados à disposição da Justiça.