Secretaria da Educação promove capacitação sobre período de matrícula do Censo Escolar

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Durante a capacitação, foram passadas orientações de como fazer as retificações no sistema do Censo Escolar
Durante a capacitação, foram passadas orientações de como fazer as retificações no sistema do Censo Escolar

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 03/09/2018 às 23:01:00

 

Técnicos do Censo Es-
colar e secretários 
municipais de Educação participaram, na manhã desta segunda-feira de uma capacitação promovida pela Secretaria de Estado da Educação. A ação foi realizada no Auditório Professora Hermínia Calda e teve como objetivo repassar orientações sobre como proceder durante o período de retificação de matrícula inicial do Censo Escolar.
De acordo com a diretora do Serviço de Informações Estatísticas (SINES) e coordenadora estadual do Censo Escolar, Jucileide Aragão, assim que for publicada portaria no Diário Oficial, será aberto um período de 30 dias para fazer retificações de informações no Censo Escolar. "Já houve o período da matrícula inicial, depois o período da coleta de dados, no qual o Inep nos mandou os mapas de risco. Esses mapas informam as escolas que possuem algumas inconsistências. Então, nesse período de retificação, será possível fazer algumas correções. Se tiver esquecido de cadastrar algum aluno, pode inseri-lo; se o estudante não é mais frequente, pode retirá-lo. Ou seja, existe a possibilidade de refazer o Censo", explicou.
Capacitação - Durante a capacitação, foram passadas orientações de como fazer as retificações no sistema do Censo Escolar. A professora Jucileide Aragão explicou ainda que após o período de retificação, que será de 30 dias, não será mais possível alterar os dados declarados na etapa de matrícula inicial.
O secretário de Educação de Nossa Senhora de Lourdes, José Roberto Santos Menezes, esteve presente à capacitação e falou sobre a importância do Censo Escolar. "É através do Censo que nós podemos traçar todas as metas para o ano letivo. Nós dependemos muito dos sistemas, mas o principal é o Educacenso, que é a vida dos nossos alunos", disse.
Quem também participou da capacitação foi Cristina Rocha, técnica do Censo Escolar no município de Cristinápolis. "Nesse momento podemos estar nos certificando de que fomos fidedignos em nossas informações; que não deixamos nenhum aluno para trás; que todos os estudantes da rede estarão ali cadastrados. A retificação é uma informação a mais, o fechamento do trabalho da matrícula inicial, ", afirmou.

Técnicos do Censo Es- colar e secretários  municipais de Educação participaram, na manhã desta segunda-feira de uma capacitação promovida pela Secretaria de Estado da Educação. A ação foi realizada no Auditório Professora Hermínia Calda e teve como objetivo repassar orientações sobre como proceder durante o período de retificação de matrícula inicial do Censo Escolar.
De acordo com a diretora do Serviço de Informações Estatísticas (SINES) e coordenadora estadual do Censo Escolar, Jucileide Aragão, assim que for publicada portaria no Diário Oficial, será aberto um período de 30 dias para fazer retificações de informações no Censo Escolar. "Já houve o período da matrícula inicial, depois o período da coleta de dados, no qual o Inep nos mandou os mapas de risco. Esses mapas informam as escolas que possuem algumas inconsistências. Então, nesse período de retificação, será possível fazer algumas correções. Se tiver esquecido de cadastrar algum aluno, pode inseri-lo; se o estudante não é mais frequente, pode retirá-lo. Ou seja, existe a possibilidade de refazer o Censo", explicou.

Capacitação - Durante a capacitação, foram passadas orientações de como fazer as retificações no sistema do Censo Escolar. A professora Jucileide Aragão explicou ainda que após o período de retificação, que será de 30 dias, não será mais possível alterar os dados declarados na etapa de matrícula inicial.
O secretário de Educação de Nossa Senhora de Lourdes, José Roberto Santos Menezes, esteve presente à capacitação e falou sobre a importância do Censo Escolar. "É através do Censo que nós podemos traçar todas as metas para o ano letivo. Nós dependemos muito dos sistemas, mas o principal é o Educacenso, que é a vida dos nossos alunos", disse.
Quem também participou da capacitação foi Cristina Rocha, técnica do Censo Escolar no município de Cristinápolis. "Nesse momento podemos estar nos certificando de que fomos fidedignos em nossas informações; que não deixamos nenhum aluno para trás; que todos os estudantes da rede estarão ali cadastrados. A retificação é uma informação a mais, o fechamento do trabalho da matrícula inicial, ", afirmou.