Clube de Corrida transforma a vida de aracajuanos

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 22/09/2018 às 07:01:00

 

Basta olhar a fisionomia dos participantes para perceber a satisfação em ser integrante o Clube de Corrida da Guarda Municipal de Aracaju (GMA). Três vezes por semana, eles se reúnem para as aulas ministradas por profissionais de Educação Física no Parque Augusto Franco, conhecido como Sementeira. Os treinos duram quase duas horas e são realizados sempre no mesmo horário. Essa é apenas uma das atividades oferecidas pela Prefeitura Municipal de Aracaju, através do Centro de Treinamento da Guarda.
 Atualmente, 30 participantes fazem parte do clube. Metade é composta por guardas municipais. O restante por familiares e amigos dos guardiões. "Com o passar dos anos, o número de interessados só aumenta. Isso é muito gratificante, pois mostra a seriedade do serviço que é oferecido. Sem contar que as aulas são gratuitas, não se cobra nada por elas", explicou o coordenador do Centro de Treinamento, Ney Lúcio. 
 Kelly Josefina do Nascimento começou a participar do clube há dois anos, através do incentivo do esposo. A meta dela, antes de fazer a matrícula, era perder alguns quilos para se sentir bem no vestido de noiva. "Como eu precisava perder alguns quilos, decidi correr. Eu odiava. Quando os resultados começaram a aparecer, fiquei empolgada e não parei mais. Virei atleta. Já o meu marido, ficou sedentário. Acho que houve uma mudança de identidade", brincou. 
Quem também está no clube há dois anos é o guarda municipal Jair Barros Oliveira. Ele procurou o grupo por orientação médica, depois de descobrir que estava com o colesterol alto e o peso bem acima do ideal.  "Eu já tinha interesse de praticar uma atividade física futuramente, mas com o resultado da bateria de exames, tive que antecipar o planejamento. Hoje, eu me sinto aliviado e feliz. Eu estava pesando 100 quilos e já perdi 15", relatou.

Basta olhar a fisionomia dos participantes para perceber a satisfação em ser integrante o Clube de Corrida da Guarda Municipal de Aracaju (GMA). Três vezes por semana, eles se reúnem para as aulas ministradas por profissionais de Educação Física no Parque Augusto Franco, conhecido como Sementeira. Os treinos duram quase duas horas e são realizados sempre no mesmo horário. Essa é apenas uma das atividades oferecidas pela Prefeitura Municipal de Aracaju, através do Centro de Treinamento da Guarda.
 Atualmente, 30 participantes fazem parte do clube. Metade é composta por guardas municipais. O restante por familiares e amigos dos guardiões. "Com o passar dos anos, o número de interessados só aumenta. Isso é muito gratificante, pois mostra a seriedade do serviço que é oferecido. Sem contar que as aulas são gratuitas, não se cobra nada por elas", explicou o coordenador do Centro de Treinamento, Ney Lúcio. 
 Kelly Josefina do Nascimento começou a participar do clube há dois anos, através do incentivo do esposo. A meta dela, antes de fazer a matrícula, era perder alguns quilos para se sentir bem no vestido de noiva. "Como eu precisava perder alguns quilos, decidi correr. Eu odiava. Quando os resultados começaram a aparecer, fiquei empolgada e não parei mais. Virei atleta. Já o meu marido, ficou sedentário. Acho que houve uma mudança de identidade", brincou. 
Quem também está no clube há dois anos é o guarda municipal Jair Barros Oliveira. Ele procurou o grupo por orientação médica, depois de descobrir que estava com o colesterol alto e o peso bem acima do ideal.  "Eu já tinha interesse de praticar uma atividade física futuramente, mas com o resultado da bateria de exames, tive que antecipar o planejamento. Hoje, eu me sinto aliviado e feliz. Eu estava pesando 100 quilos e já perdi 15", relatou.