Casal suspeito de estelionato é preso em Lagarto

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 25/09/2018 às 06:49:00

 

Um casal suspeito de estelionato foi preso neste domingo em Lagarto (Centro-Sul), por policiais do 7º Batalhão de Polícia Militar (7º BPM). Eles foram acionados por um senhor que compareceu à sede da unidade e informou ter comprado 18 conjuntos de roupas de cama de um casal que realizava comércio e exposição do material na carroceria de uma caminhonete nas ruas da cidade. Ao conferir o material, minutos após a compra, a vítima percebeu que os produtos estavam desproporcionais em tamanho, quantidade e qualidade, em relação aos prometidos pelos suspeitos.
Outras vítimas do golpe também procuraram os militares para denunciar a aquisição de produtos incompatíveis com os apresentados pelo casal, que também violava os valores pagos pelos clientes em máquinas de cartão de crédito. Segundo informações, o casal foi visto negociando os produtos em outra rua da cidade, onde os policiais foram até o ponto indicado e prenderam o casal, identificado como Cesar Iancovite e Lyra Castilho, naturais de Aparecida de Goiânia (GO).

Um casal suspeito de estelionato foi preso neste domingo em Lagarto (Centro-Sul), por policiais do 7º Batalhão de Polícia Militar (7º BPM). Eles foram acionados por um senhor que compareceu à sede da unidade e informou ter comprado 18 conjuntos de roupas de cama de um casal que realizava comércio e exposição do material na carroceria de uma caminhonete nas ruas da cidade. Ao conferir o material, minutos após a compra, a vítima percebeu que os produtos estavam desproporcionais em tamanho, quantidade e qualidade, em relação aos prometidos pelos suspeitos.
Outras vítimas do golpe também procuraram os militares para denunciar a aquisição de produtos incompatíveis com os apresentados pelo casal, que também violava os valores pagos pelos clientes em máquinas de cartão de crédito. Segundo informações, o casal foi visto negociando os produtos em outra rua da cidade, onde os policiais foram até o ponto indicado e prenderam o casal, identificado como Cesar Iancovite e Lyra Castilho, naturais de Aparecida de Goiânia (GO).