Marceneiro é preso em flagrante por tráfico no Santos Dumont

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Armas e drogas apreendidas
Armas e drogas apreendidas

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 27/09/2018 às 06:59:00

 

O Departamento de Narcóticos da Polícia Civil (Denarc) deflagrou nesta terça-feira uma operação que resultou na prisão do marceneiro José Ubirathan dos Santos, acusado de tráfico de drogas. O homem é ex-presidiário e foi preso na própria residência, localizada no bairro Santos Dumont, em Aracaju. No local foram localizadas droga e ferramentas utilizadas no processo de fabricação de tabletes de cocaína.
O delegado Osvaldo Resende, diretor do Denarc, detalhou o processo de investigação que resultou na prisão e também como era a atuação do acusado no crime. Na casa de José Ubirathan foram encontrados 2Kg de cocaína, um revólver calibre 38, nove munições e caderno de anotações; além de dois equipamentos conhecidos como “macaco hidráulico”, utilizados para prensar a droga em tabletes. 
“As informações eram de que José Ubiratan estava prensando cocaína na própria residência no bairro Santos Dumont. Nós deflagramos a operação na tarde de ontem, onde nós localizamos a droga e o material. Ele construía esses tabletes a partir dos que comprava e revendia a outros traficantes, inclusive um desses nós já encontramos a casa e mais drogas”, destacou o delegado. 
 
O acusado já possuía três condenações decorrentes de duas tentativas de homicídio e de um homicídio consumado. Com essa prisão em flagrante, José Ubirathan responderá pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo. 
Outras apreensões – Durante a operação também foi localizada uma segunda casa, a qual as investigações apontam ser de propriedade de um traficante que comprava e comercializava as drogas de José Ubirathan. No local foram encontrados 1,5Kg de maconha distribuídos em tabletes; 26 pinos cheios de cocaína e outros 32 vazios; e um caderno contendo informações sobre o tráfico de drogas. As investigações e buscas continuam para chegar a esse envolvido no crime.

O Departamento de Narcóticos da Polícia Civil (Denarc) deflagrou nesta terça-feira uma operação que resultou na prisão do marceneiro José Ubirathan dos Santos, acusado de tráfico de drogas. O homem é ex-presidiário e foi preso na própria residência, localizada no bairro Santos Dumont, em Aracaju. No local foram localizadas droga e ferramentas utilizadas no processo de fabricação de tabletes de cocaína.
O delegado Osvaldo Resende, diretor do Denarc, detalhou o processo de investigação que resultou na prisão e também como era a atuação do acusado no crime. Na casa de José Ubirathan foram encontrados 2Kg de cocaína, um revólver calibre 38, nove munições e caderno de anotações; além de dois equipamentos conhecidos como “macaco hidráulico”, utilizados para prensar a droga em tabletes. 
“As informações eram de que José Ubiratan estava prensando cocaína na própria residência no bairro Santos Dumont. Nós deflagramos a operação na tarde de ontem, onde nós localizamos a droga e o material. Ele construía esses tabletes a partir dos que comprava e revendia a outros traficantes, inclusive um desses nós já encontramos a casa e mais drogas”, destacou o delegado.  O acusado já possuía três condenações decorrentes de duas tentativas de homicídio e de um homicídio consumado. Com essa prisão em flagrante, José Ubirathan responderá pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo. 

Outras apreensões – Durante a operação também foi localizada uma segunda casa, a qual as investigações apontam ser de propriedade de um traficante que comprava e comercializava as drogas de José Ubirathan. No local foram encontrados 1,5Kg de maconha distribuídos em tabletes; 26 pinos cheios de cocaína e outros 32 vazios; e um caderno contendo informações sobre o tráfico de drogas. As investigações e buscas continuam para chegar a esse envolvido no crime.