Novo presidente do Sergipe fala sobre a missão da diretoria

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O médico Carlson Silva, novo presidente do Sergipe
O médico Carlson Silva, novo presidente do Sergipe

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 06/10/2018 às 06:27:00

 

Na primeira entrevis-
ta como presiden
te do Sergipe, o oftalmologista Carlson Silva falou sobre os objetivos da nova diretoria, que será empossada no dia 17 de outubro, em uma grande festa programada também para comemorar os 109 anos de fundação do clube, na oportunidade serão anunciados os outros nomes que comporão a diretoria executiva.
O novo presidente rubro disse que a grande preocupação de momento é a organizada do clube no aspecto técnico e administrativo. Ele quer fazer do Sergipe um grande clube, um time vencedor, para reconquistar o lugar de destaque que sempre teve no cenário do futebol brasileiro. No momento a preocupação é com o planejamento da equipe para a próxima temporada. 
A princípio, o principal objetivo é a conquista do título de campeão estadual, para ganhar o calendário em 2010. Depois uma boa participação na Copa do Nordeste, Copa do Brasil e finalmente brigar pelo acesso no Brasileiro da Série D. 
- O Sergipe é o maior clube do estado, o que tem a maior torcida, o que tem mais títulos, é o atual campeão sergipano e tem sempre que mostrar a sua força. Vamos trabalhar muito para manter o Sergipe no lugar dele, no lugar que ele merece. Vai ser um ano de muitos desafios, de calendário cheio e participação em competições importantes, como a Copa do Nordeste e a Copa do Brasil. Vamos trabalhar por cada objetivo, o primeiro passo é a luta pelo título sergipano - disse o novo presidente do alvirrubro.
Uma das promessas do novo dirigente rubro, foi promover a união dos verdadeiros rubros, todos lutando pelo engrandecimento da equipe. "O que tem atrapalhado o Sergipe nos últimos anos é a desunião. Temos que estar juntos, que somar, conversar com todos. E foi isso que fizemos. Como todos sabem, em time que se ganha, não se mexe. Então estão aqui todos os que estavam antes que foram campeões. O Sergipe tem hoje um calendário por causa do pessoal que estava até agora. Chegaram outros, mudamos alguns de lugar, mas estamos todos juntos".
 O dirigente ainda destacou o aumento da visibilidade do Sergipe como uma de suas metas. "Precisamos inserir o Sergipe na sociedade. Não podemos ficar esquecidos. Somos os campeões estaduais e ninguém fala no Sergipe. Precisamos colocar a sociedade aqui dentro, trazer os amigos e fazer com que os empresários acreditem no Sergipe. E isso se consegue com transparência".

Na primeira entrevis- ta como presiden te do Sergipe, o oftalmologista Carlson Silva falou sobre os objetivos da nova diretoria, que será empossada no dia 17 de outubro, em uma grande festa programada também para comemorar os 109 anos de fundação do clube, na oportunidade serão anunciados os outros nomes que comporão a diretoria executiva.
O novo presidente rubro disse que a grande preocupação de momento é a organizada do clube no aspecto técnico e administrativo. Ele quer fazer do Sergipe um grande clube, um time vencedor, para reconquistar o lugar de destaque que sempre teve no cenário do futebol brasileiro. No momento a preocupação é com o planejamento da equipe para a próxima temporada. 
A princípio, o principal objetivo é a conquista do título de campeão estadual, para ganhar o calendário em 2010. Depois uma boa participação na Copa do Nordeste, Copa do Brasil e finalmente brigar pelo acesso no Brasileiro da Série D. 
- O Sergipe é o maior clube do estado, o que tem a maior torcida, o que tem mais títulos, é o atual campeão sergipano e tem sempre que mostrar a sua força. Vamos trabalhar muito para manter o Sergipe no lugar dele, no lugar que ele merece. Vai ser um ano de muitos desafios, de calendário cheio e participação em competições importantes, como a Copa do Nordeste e a Copa do Brasil. Vamos trabalhar por cada objetivo, o primeiro passo é a luta pelo título sergipano - disse o novo presidente do alvirrubro.
Uma das promessas do novo dirigente rubro, foi promover a união dos verdadeiros rubros, todos lutando pelo engrandecimento da equipe. "O que tem atrapalhado o Sergipe nos últimos anos é a desunião. Temos que estar juntos, que somar, conversar com todos. E foi isso que fizemos. Como todos sabem, em time que se ganha, não se mexe. Então estão aqui todos os que estavam antes que foram campeões. O Sergipe tem hoje um calendário por causa do pessoal que estava até agora. Chegaram outros, mudamos alguns de lugar, mas estamos todos juntos".
 O dirigente ainda destacou o aumento da visibilidade do Sergipe como uma de suas metas. "Precisamos inserir o Sergipe na sociedade. Não podemos ficar esquecidos. Somos os campeões estaduais e ninguém fala no Sergipe. Precisamos colocar a sociedade aqui dentro, trazer os amigos e fazer com que os empresários acreditem no Sergipe. E isso se consegue com transparência".