Sergipanos buscam medalhas nos JEJ

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Alunos atletas destaques dos XXXV Jogos da Primavera terão presenças asseguradas nos Jogos Escolares da Juventude
Alunos atletas destaques dos XXXV Jogos da Primavera terão presenças asseguradas nos Jogos Escolares da Juventude

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 25/10/2018 às 06:59:00

 

Com a entrega dos 
troféus aos campe-
ões, a 35ª edição dos Jogos da Primavera encerrou mais uma temporada, nesta terça-feira, 23, com saldo positivo de medalhas e com promessas para os Jogos Escolares da Juventude, a ser realizado em novembro, em Natal (RN), e para as Paralimpíadas Escolares, a serem realizadas em São Paulo (SP). 
Bastante prestigiada, a solenidade de encerramento aconteceu no Ginásio de Esportes do Centro de Excelência Estadual Dom Luciano, em Aracaju, e contou as presenças com alunos-atletas, técnicos, diretores de escolas e dirigentes desportivos.
Cerca de 8 mil alunos das escolas estaduais, municipais e particulares participaram dos jogos. Entres as escolas estaduais que mais pontuaram estão o CE Leandro Maciel (oitava geral no quadro de medalhas), de Rosário do Catete; CE Prof. Joaquim Vieira Sobral, de Aracaju, e o CE José Amaral Lemos, de Pirambu. O Instituto Dom Fernando Gomes ficou em primeiro lugar geral no quadro de medalhas, seguido pela Escola Bom Pastor e o Coesi, todas elas escolas da capital.
A solenidade foi marcada por muita comemoração e no rosto de cada um demonstrava o sentimento de dever cumprido. As escolas envolvidas fizeram a festa e não esconderam a alegria de concluir essa fase classificatória para os Jogos Escolares da Juventude e Paralimpíadas Escolares deste ano.
Recordista na modalidade atletismo, o paratleta Victor Barreto, aluno do Escola Estadual Senador Leite Neto, é um exemplo de superação. Seu treinador, professor Antônio Júnior, conta que Victor vem superando muitos desafios ao longo dos anos. "Ele é sensacional. Um paratleta que nos dá muito orgulho. Essa temporada dos Jogos da Primavera trouxe ótimos resultados para o Leite Neto, alguns encerram esse ciclo, e outros começam a preparação para a Paralimpíadas Escolares, nossa expectativa é sempre a melhor possível por que temos grandes talentos", enfatiza o professor.
Destaques - O ciclista Kaik Alessandro, aluno do Leandro Maciel, também prioriza o treinamento intenso para buscar o melhor resultado. "Geralmente temos somente um dia de descanso na semana, acredito que a disciplina é muito importante para alcançarmos nossos objetivos", destaca.
O treinador da equipe de ciclismo, professor Wagner Facion, atribui o sucesso do alcance de medalhas ao compromisso dos alunos atletas com o esporte. "O que ajuda o nosso trabalho é que eles são muito disciplinados. Fiquei feliz em saber dessa colocação e o objetivo é sempre superar as expectativas", pontua.
Raquel de Alcântara, carateca e aluna do IDFG, foi premiada na primeira colocação da modalidade, ela reconhece que o trabalho de grupo é primordial na busca por bons resultados. "Acredito que só chegamos até aqui pelo empenho de todos que fazem a instituição, próximo ano pretendemos manter o nível e continuar nesse ritmo", ressalta.
Presenças - Participaram da solenidade a diretora do Departamento de Educação de Aracaju (DEA), professora Eliane Passos, a diretora da DRE7, professora Gilzete Dioniza de Matos, o presidente do Conselho Regional de Educação Física de Sergipe (CREF-SE), professor Gilson Dória, além de gestores do CE Dom Luciano e demais autoridades.

Com a entrega dos  troféus aos campe- ões, a 35ª edição dos Jogos da Primavera encerrou mais uma temporada, nesta terça-feira, 23, com saldo positivo de medalhas e com promessas para os Jogos Escolares da Juventude, a ser realizado em novembro, em Natal (RN), e para as Paralimpíadas Escolares, a serem realizadas em São Paulo (SP). 
Bastante prestigiada, a solenidade de encerramento aconteceu no Ginásio de Esportes do Centro de Excelência Estadual Dom Luciano, em Aracaju, e contou as presenças com alunos-atletas, técnicos, diretores de escolas e dirigentes desportivos.
Cerca de 8 mil alunos das escolas estaduais, municipais e particulares participaram dos jogos. Entres as escolas estaduais que mais pontuaram estão o CE Leandro Maciel (oitava geral no quadro de medalhas), de Rosário do Catete; CE Prof. Joaquim Vieira Sobral, de Aracaju, e o CE José Amaral Lemos, de Pirambu. O Instituto Dom Fernando Gomes ficou em primeiro lugar geral no quadro de medalhas, seguido pela Escola Bom Pastor e o Coesi, todas elas escolas da capital.
A solenidade foi marcada por muita comemoração e no rosto de cada um demonstrava o sentimento de dever cumprido. As escolas envolvidas fizeram a festa e não esconderam a alegria de concluir essa fase classificatória para os Jogos Escolares da Juventude e Paralimpíadas Escolares deste ano.
Recordista na modalidade atletismo, o paratleta Victor Barreto, aluno do Escola Estadual Senador Leite Neto, é um exemplo de superação. Seu treinador, professor Antônio Júnior, conta que Victor vem superando muitos desafios ao longo dos anos. "Ele é sensacional. Um paratleta que nos dá muito orgulho. Essa temporada dos Jogos da Primavera trouxe ótimos resultados para o Leite Neto, alguns encerram esse ciclo, e outros começam a preparação para a Paralimpíadas Escolares, nossa expectativa é sempre a melhor possível por que temos grandes talentos", enfatiza o professor.

Destaques - O ciclista Kaik Alessandro, aluno do Leandro Maciel, também prioriza o treinamento intenso para buscar o melhor resultado. "Geralmente temos somente um dia de descanso na semana, acredito que a disciplina é muito importante para alcançarmos nossos objetivos", destaca.
O treinador da equipe de ciclismo, professor Wagner Facion, atribui o sucesso do alcance de medalhas ao compromisso dos alunos atletas com o esporte. "O que ajuda o nosso trabalho é que eles são muito disciplinados. Fiquei feliz em saber dessa colocação e o objetivo é sempre superar as expectativas", pontua.
Raquel de Alcântara, carateca e aluna do IDFG, foi premiada na primeira colocação da modalidade, ela reconhece que o trabalho de grupo é primordial na busca por bons resultados. "Acredito que só chegamos até aqui pelo empenho de todos que fazem a instituição, próximo ano pretendemos manter o nível e continuar nesse ritmo", ressalta.

Presenças - Participaram da solenidade a diretora do Departamento de Educação de Aracaju (DEA), professora Eliane Passos, a diretora da DRE7, professora Gilzete Dioniza de Matos, o presidente do Conselho Regional de Educação Física de Sergipe (CREF-SE), professor Gilson Dória, além de gestores do CE Dom Luciano e demais autoridades.