Enem será realizado nos dois próximos domingos

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 02/11/2018 às 11:07:00

 

O Enem 2018 acontecerá nos dias 4 e 11 de novembro, e o Ministério da Educação (MEC) recomenda que os participantes se informem com antecedência sobre os horários, locais de provas e qual documentação levar para evitar contratempos.
Local de prova - Os candidatos devem procurar com antecedência saber o local de prova. Todas as informações necessárias estão disponíveis no cartão de confirmação, que pode ser acessado na página do participante e no aplicativo do Enem 2018. É interessante fazer o trajeto antes do dia do exame, para verificar a distância, o tempo gasto e a melhor forma de chegar ao local de prova, evitando atrasos no dia da aplicação.
Horário - Os portões abrem às 12h e fecham às 13h, pelo horário de Brasília. A prova começa às 13h30. Como o horário de referência é o de Brasília, e domingo, 4, será o primeiro dia do horário de verão, o Inep alerta que os participantes se preparem para a mudança. Todos, onde quer que estejam, devem converter a hora local para o horário de Brasília, já adaptado ao horário de verão. Fique atento aos horários.
Cartão de confirmação - O documento informa número de inscrição, local de prova (com endereço e número da sala), datas e horários do exame e opção de língua estrangeira escolhida, além de atendimentos específicos ou especializados e recursos de acessibilidade, caso tenham sido solicitados e aprovados. É preciso informar o CPF e a senha cadastrada na inscrição. Quem tiver esquecido a senha pode recuperá-la na página do Enem, por meio de um passo a passo elaborado pelo Inep.
Documentação - Nesta edição do Enem, vários documentos podem ser utilizados para identificação, mas só valem os originais, oficiais e com foto, como carteira de identidade, carteira de trabalho e previdência social, certificado de dispensa de incorporação, certificado de reservista, passaporte, carteira nacional de habilitação e identidade funcional. Não será aceito qualquer documento em formato eletrônico.
O que levar - Fique atento aos itens obrigatórios e proibidos no dia das provas. Todos os alunos devem levar, além do documento de identificação, uma caneta esferográfica de tinta preta e fabricada em material transparente. Como a leitura ótica do cartão de respostas só identifica a cor preta, está vetado o uso de canetas de tinta azul ou vermelha, lápis e lapiseira. O ideal é que o estudante leve mais de uma caneta. É aconselhável também portar o cartão de confirmação de inscrição.
É proibido levar qualquer material impresso (livros, apostilas), borracha, caneta de material não transparente, corretivo, dispositivos eletrônicos, fones de ouvido ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados e imagens, vídeos e mensagens, óculos escuros, relógio, chapéus, gorros e bonés.

O Enem 2018 acontecerá nos dias 4 e 11 de novembro, e o Ministério da Educação (MEC) recomenda que os participantes se informem com antecedência sobre os horários, locais de provas e qual documentação levar para evitar contratempos.

Local de prova - Os candidatos devem procurar com antecedência saber o local de prova. Todas as informações necessárias estão disponíveis no cartão de confirmação, que pode ser acessado na página do participante e no aplicativo do Enem 2018. É interessante fazer o trajeto antes do dia do exame, para verificar a distância, o tempo gasto e a melhor forma de chegar ao local de prova, evitando atrasos no dia da aplicação.

Horário - Os portões abrem às 12h e fecham às 13h, pelo horário de Brasília. A prova começa às 13h30. Como o horário de referência é o de Brasília, e domingo, 4, será o primeiro dia do horário de verão, o Inep alerta que os participantes se preparem para a mudança. Todos, onde quer que estejam, devem converter a hora local para o horário de Brasília, já adaptado ao horário de verão. Fique atento aos horários.

Cartão de confirmação - O documento informa número de inscrição, local de prova (com endereço e número da sala), datas e horários do exame e opção de língua estrangeira escolhida, além de atendimentos específicos ou especializados e recursos de acessibilidade, caso tenham sido solicitados e aprovados. É preciso informar o CPF e a senha cadastrada na inscrição. Quem tiver esquecido a senha pode recuperá-la na página do Enem, por meio de um passo a passo elaborado pelo Inep.

Documentação - Nesta edição do Enem, vários documentos podem ser utilizados para identificação, mas só valem os originais, oficiais e com foto, como carteira de identidade, carteira de trabalho e previdência social, certificado de dispensa de incorporação, certificado de reservista, passaporte, carteira nacional de habilitação e identidade funcional. Não será aceito qualquer documento em formato eletrônico.

O que levar - Fique atento aos itens obrigatórios e proibidos no dia das provas. Todos os alunos devem levar, além do documento de identificação, uma caneta esferográfica de tinta preta e fabricada em material transparente. Como a leitura ótica do cartão de respostas só identifica a cor preta, está vetado o uso de canetas de tinta azul ou vermelha, lápis e lapiseira. O ideal é que o estudante leve mais de uma caneta. É aconselhável também portar o cartão de confirmação de inscrição.
É proibido levar qualquer material impresso (livros, apostilas), borracha, caneta de material não transparente, corretivo, dispositivos eletrônicos, fones de ouvido ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados e imagens, vídeos e mensagens, óculos escuros, relógio, chapéus, gorros e bonés.