Edvaldo inaugura obra de infraestrutura no bairro Coqueiral

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Aspecto da inauguração das obras no Coqueiral
Aspecto da inauguração das obras no Coqueiral

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 06/11/2018 às 23:35:00

 

O prefeito Edvaldo 
Nogueira deu 
novo sentido à vida dos moradores do bairro Coqueiral, zona Norte de Aracaju, na noite desta segunda-feira (05). O gestor inaugurou os serviços complementares de infraestrutura da localidade, pondo fim à angústia de famílias que viveram, por muitos anos, na poeira e na lama. A retomada da obra, que ficou paralisada na gestão passada, é mais um compromisso firmado por Edvaldo que se concretiza. Foram investidos na comunidade R$ 5,5 milhões, conveniados com o Governo Federal, para execução da última fase do projeto.
Durante seu discurso, o prefeito lembrou que essa foi a primeira grande obra retomada na sua atual gestão. "Esta obra significa muito para mim porque a primeira que retomei no meu governo cumprindo mais um compromisso com a sociedade. A minha maior alegria é poder realizar obras para que mais precisa. Quem viveu aqui e quem conhece o Coqueiral há 10 anos, sabe o quanto melhorou e avançou. Assumi a Prefeitura de Aracaju com dívidas e grandes problemas. Mas não me abati. Fui atrás de empréstimos para contrapartidas e consegui retomar obras como esta, reafirmando meu compromisso com os aracajuanos", afirmou Edvaldo.
O prefeito recordou que as primeiras etapas do projeto, cujo investimento somou mais de R$20 milhões, foram executadas na sua administração anterior, mas enfatizou que, por falta de comprometimento da gestão passada, a obra não foi concluída. "Aqui ninguém entrava, era um local de difícil acesso. Por isso me comprometi com as famílias em 2006 e garanti que ia trabalhar. Em 2008, quando fui reeleito, reafirmei que faria a obra. Já em 2010, o governo federal lançou o Pacto de Aceleração do Crescimento, PAC, e através dele, conseguimos R$99 milhões para a capital. Priorizei o Coqueiral, com R$30 milhões, e o Santa Maria, com R$66 milhões", explicou continuando.
"Executamos a primeira fase, com a construção de casas e na realização de obras de esgotamento e urbanização e deixamos o dinheiro em caixa para a conclusão. Mas não terminaram. Foi preciso que a gente voltasse ao comando para que o sofrimento acabasse. Corremos, lutamos para manter o recurso que já estava quase perdido e reiniciamos os serviços de infraestrutura no bairro. Executamos a obra dentro do cronograma planejado, concluímos e aqui estamos, colhendo sorrisos. Por isso essa obra tem um significado especial para mim. Tenho ela como um filho", destacou o prefeito, garantindo à população que novas linhas de ônibus passam a circular pelo local dentro do prazo de 30 dias.

O prefeito Edvaldo  Nogueira deu  novo sentido à vida dos moradores do bairro Coqueiral, zona Norte de Aracaju, na noite desta segunda-feira (05). O gestor inaugurou os serviços complementares de infraestrutura da localidade, pondo fim à angústia de famílias que viveram, por muitos anos, na poeira e na lama. A retomada da obra, que ficou paralisada na gestão passada, é mais um compromisso firmado por Edvaldo que se concretiza. Foram investidos na comunidade R$ 5,5 milhões, conveniados com o Governo Federal, para execução da última fase do projeto.
Durante seu discurso, o prefeito lembrou que essa foi a primeira grande obra retomada na sua atual gestão. "Esta obra significa muito para mim porque a primeira que retomei no meu governo cumprindo mais um compromisso com a sociedade. A minha maior alegria é poder realizar obras para que mais precisa. Quem viveu aqui e quem conhece o Coqueiral há 10 anos, sabe o quanto melhorou e avançou. Assumi a Prefeitura de Aracaju com dívidas e grandes problemas. Mas não me abati. Fui atrás de empréstimos para contrapartidas e consegui retomar obras como esta, reafirmando meu compromisso com os aracajuanos", afirmou Edvaldo.
O prefeito recordou que as primeiras etapas do projeto, cujo investimento somou mais de R$20 milhões, foram executadas na sua administração anterior, mas enfatizou que, por falta de comprometimento da gestão passada, a obra não foi concluída. "Aqui ninguém entrava, era um local de difícil acesso. Por isso me comprometi com as famílias em 2006 e garanti que ia trabalhar. Em 2008, quando fui reeleito, reafirmei que faria a obra. Já em 2010, o governo federal lançou o Pacto de Aceleração do Crescimento, PAC, e através dele, conseguimos R$99 milhões para a capital. Priorizei o Coqueiral, com R$30 milhões, e o Santa Maria, com R$66 milhões", explicou continuando.
"Executamos a primeira fase, com a construção de casas e na realização de obras de esgotamento e urbanização e deixamos o dinheiro em caixa para a conclusão. Mas não terminaram. Foi preciso que a gente voltasse ao comando para que o sofrimento acabasse. Corremos, lutamos para manter o recurso que já estava quase perdido e reiniciamos os serviços de infraestrutura no bairro. Executamos a obra dentro do cronograma planejado, concluímos e aqui estamos, colhendo sorrisos. Por isso essa obra tem um significado especial para mim. Tenho ela como um filho", destacou o prefeito, garantindo à população que novas linhas de ônibus passam a circular pelo local dentro do prazo de 30 dias.