Denarc prende dois acusados por tráfico em escolas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 15/11/2018 às 07:54:00

 

Gabriel Damásio
Durante toda a últi
ma terça-feira, foi 
deflagrada em todo o país a 'Operação Anjos da Lei', que deteve, mais de 450 pessoas em todo o país, sendo que 85 eram adolescentes. Esta foi a quarta operação sob a coordenação do Sistema Único de Segurança Pública (Susp). Policiais civis de todos os estados realizaram as ações de acordo com as orientações do Ministério de Segurança Pública. As buscas também aconteceram em Sergipe e tiveram como alvos principais os traficantes identificados como atuantes nas entradas de escolas e faculdades. 
Nesta quarta-feira, o diretor do Departamento de Narcóticos (Denarc), Osvaldo Resende, divulgou um balanço da operação em Sergipe, que teve como objetivo prender envolvidos com tráfico de drogas, em especial em escolas. Duas pessoas foram presas. Juan Santos foi preso em flagrante por tráfico de drogas no Bairro Santos Dumont (zona norte de Aracaju), e Wendel Santos da Soledade foi preso em virtude de um mandado de prisão preventiva no Bairro Olaria. "Diversos veículos e indivíduos foram abordados e dois foram presos, Juan e Wendel. Foi apreendido 2,122kg de maconha, 6 gramas de crack. Foram 30 policiais envolvidos na operação aqui em Sergipe. A maconha foi apreendida em Estância, no povoado Alecrim", afirmou Resende.
Manipulação - Na manhã desta quarta-feira, os agentes do Denarc desativaram um ponto de manipulação de cocaína situado em uma residência no Bairro Aeroporto (zona sul), após informações recebidas através do Disque Denúncia (181). Segundo informações do delegado Osvaldo Resende, no local foram encontrados três tabletes e três sacolas contendo cerca de 5,5 quilos de cocaína e um tablete pesando cerca de 500 gramas de maconha.
"Também foram encontrados e apreendidos alguns produtos e materiais utilizados no processo de prensagem, manipulação e pesagem da cocaína, como prensa hidráulica, macacos hidráulicos, acetonas, balança digital, máquina de embalar a vácuo, entre outros. No momento da abordagem, não havia ninguém no local. As investigações prosseguem. A Polícia Civil agradece à colaboração da população e qualquer informação nova sobre o assunto deve ser repassada para o Disque Denúncia 181", informou o delegado Osvaldo Resende.

Durante toda a últi ma terça-feira, foi  deflagrada em todo o país a 'Operação Anjos da Lei', que deteve, mais de 450 pessoas em todo o país, sendo que 85 eram adolescentes. Esta foi a quarta operação sob a coordenação do Sistema Único de Segurança Pública (Susp). Policiais civis de todos os estados realizaram as ações de acordo com as orientações do Ministério de Segurança Pública. As buscas também aconteceram em Sergipe e tiveram como alvos principais os traficantes identificados como atuantes nas entradas de escolas e faculdades. 
Nesta quarta-feira, o diretor do Departamento de Narcóticos (Denarc), Osvaldo Resende, divulgou um balanço da operação em Sergipe, que teve como objetivo prender envolvidos com tráfico de drogas, em especial em escolas. Duas pessoas foram presas. Juan Santos foi preso em flagrante por tráfico de drogas no Bairro Santos Dumont (zona norte de Aracaju), e Wendel Santos da Soledade foi preso em virtude de um mandado de prisão preventiva no Bairro Olaria. "Diversos veículos e indivíduos foram abordados e dois foram presos, Juan e Wendel. Foi apreendido 2,122kg de maconha, 6 gramas de crack. Foram 30 policiais envolvidos na operação aqui em Sergipe. A maconha foi apreendida em Estância, no povoado Alecrim", afirmou Resende.

Manipulação - Na manhã desta quarta-feira, os agentes do Denarc desativaram um ponto de manipulação de cocaína situado em uma residência no Bairro Aeroporto (zona sul), após informações recebidas através do Disque Denúncia (181). Segundo informações do delegado Osvaldo Resende, no local foram encontrados três tabletes e três sacolas contendo cerca de 5,5 quilos de cocaína e um tablete pesando cerca de 500 gramas de maconha.
"Também foram encontrados e apreendidos alguns produtos e materiais utilizados no processo de prensagem, manipulação e pesagem da cocaína, como prensa hidráulica, macacos hidráulicos, acetonas, balança digital, máquina de embalar a vácuo, entre outros. No momento da abordagem, não havia ninguém no local. As investigações prosseguem. A Polícia Civil agradece à colaboração da população e qualquer informação nova sobre o assunto deve ser repassada para o Disque Denúncia 181", informou o delegado Osvaldo Resende.