O combate à corrupção já começou

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 22/11/2018 às 06:10:00

 

* Rômulo Rodrigues
Aplausos para as primeiras medidas tomadas pelo candidato eleito, ainda não empossado, mas já mandando no País; com destaque ao combate à corrupção.
Como alinhado e subordinado, integralmente aos EUA, batendo continência para sua bandeira; já faz uso de uma velha lógica difundida como sendo do FBI, sob o comando de J. Edgard Hoover, quando recomendou a bancos americanos contratarem antigos chefes de quadrilhas de assaltantes para desenvolverem sistemas de seguranças que impedissem futuros assaltos.
Não é erro ou falta de conhecimento que o candidato que incorporou ser o combatente número 1 da corrupção, escolha como Super Ministro da Economia alguém que esteja incriminado de pratica-la contra Fundos de Pensão; respondendo a processos. Ele tem tudo para impedir que outros espertalhões o façam e assim, o sistema estará inviolável.
Outro mérito do vencedor foi provocar uma verdadeira metamorfose ambulante no nosso Elliott Ness ao fazer com que; dois anos após, dizer na casa do patrão que, crime de Caixa 2 era mais grave que qualquer outro crime de corrupção; fizesse sua autocrítica e afirmasse que; Caixa 2, só continuaria configurado como crime até o dia em que o criminoso reconheça e peça desculpas em público. Só que não acrescentou: parágrafo único; o criminoso tem que estar convidado para ser Super Ministro de um Governo que tenha como prioridade o combate à corrupção. 
Sempre citada como uma das prioridades de qualquer governo, até porque, lidera o Ranking de aperreio da população de baixa renda, a Saúde pública, agora vai aumentar seu agravamento; responsável por cada dois entre três, Câncer de Mama e de próstata, o veneno do Agronegócio acaba de ganhar status de Ministério, na Agricultura.
Para ser mais fiel ao que prometeu, em retroceder décadas; Bolsonaro resgata um sucesso de 1983; Menina Veneno; ao indicar para o ministério da Agricultura a musa do veneno do Agronegócio.
Pulando de galho em galho, o futuro Presidente, não consegue identificar para onde o vento sopra e mais parece perna esquerda de motorista de carro automático.
O seu "Posto Ipiranga", Paulo Guedes, além de suspeito de fraudes bilionárias; pagou enorme Orangotango ao questionar em reunião com a Nata dos Técnicos do IPEA, sobre o que é "LOA". O cara vai ser o Super da Economia e não sabia o que era "Lei Orçamentária Anual" e, ainda arrotou grandeza que tinha UU$ 380 bilhões para gastar. Peraí; esse foi o montante que Dilma deixou no fundo de reserva internacional. Tá atirando com a pólvora alheia.
Como atestado de imbecilidade diplomática perante o mundo, vejamos o que o seu indicado para o cargo de Chanceler, o maior da diplomacia, revelou como Portfólio teórico: "Globalismo é a globalização econômica que passou a ser pilotada pelo marxismo cultural". Essencialmente é um sistema anti-humano e anticristão cujo objetivo é romper a conexão entre Deus e o Homem, tornando o Homem escravo e Deus irrelevante. O projeto Meta político significa, essencialmente, abrir-se para a presença de Deus na política e na História.
Outra pérola dele; O Trump vai salvar o ocidente, o que já o coloca em conceito pior que o de Aloisio Nunes Ferreira e compromete todo o prestígio da nossa Diplomacia do Barão do Rio Branco até Celso Amorim. Em poucos dias já sujou a imagem do Brasil no Mundo Árabe; China; Cuba; Noruega; MERCOSUL e ONU.
Antes de ser diplomado, ou seja, reconhecido como eleito, o destrambelhado já tem sua primeira grande crise, com o racha no núcleo militar, por disputas de cargos no futuro governo, com a desistência do General Oswaldo Ferreira, que vinha com o Ex Capitão, desde 2017; de continuar na equipe.
Por sua vez, apareceu a segunda pegada de Caixa 2 de Onyx Lorenzony e este já está sendo fritado antes de assumir como Ministro da Casa Civil.
Enquanto isso o paladino da Justiça Moro, bem ao seu estilo, dá mais provas do seu Mau caratismo; em vez de pedir exoneração, saiu de férias para que sua discípula pagasse mico raivoso no depoimento de Lula e, se não bastasse, em menos de 48 horas da vergonha da Juíza Hardt, ele pediu exoneração.
Agora, vamos ver o desmoronar da Doutora perante Lula. A melhor parte foi quando ela perguntou; se o senhor diz que era apenas hóspede, por que o senhor dormia no quarto principal do Sitio de Atibaia?
Lula respondeu: pelo mesmo motivo que eu dormi no melhor quarto do Palácio Real da Rainha da Inglaterra e da Rainha da Suécia também, quando fui  hóspedes delas.
Na enxurrada de tantas notícias desastrosas, até que em fim surge uma para lá de esclarecedora.
Está sendo noticiado na Imprensa Mundial; aqui ainda não; que Cuba e Estados Unidos anunciaram quarta feira, dia 14, sua primeira empresa para desenvolver novos medicamentos contra o Câncer, na Zona Franca do Megaporto de Mariel, em Cuba.
O que ainda não foi noticiado lá fora e, nunca será aqui, é que esta parceria era para ser feita com a Fiocruz, em vez de uma empresa americana, não fossem as manifestações de Junho de 2013, financiadas pela CIA. Pois é; Geopolítica, não é coisa para idiotas.
* Rômulo Rodrigues é militante político

* Rômulo Rodrigues

Aplausos para as primeiras medidas tomadas pelo candidato eleito, ainda não empossado, mas já mandando no País; com destaque ao combate à corrupção.
Como alinhado e subordinado, integralmente aos EUA, batendo continência para sua bandeira; já faz uso de uma velha lógica difundida como sendo do FBI, sob o comando de J. Edgard Hoover, quando recomendou a bancos americanos contratarem antigos chefes de quadrilhas de assaltantes para desenvolverem sistemas de seguranças que impedissem futuros assaltos.
Não é erro ou falta de conhecimento que o candidato que incorporou ser o combatente número 1 da corrupção, escolha como Super Ministro da Economia alguém que esteja incriminado de pratica-la contra Fundos de Pensão; respondendo a processos. Ele tem tudo para impedir que outros espertalhões o façam e assim, o sistema estará inviolável.
Outro mérito do vencedor foi provocar uma verdadeira metamorfose ambulante no nosso Elliott Ness ao fazer com que; dois anos após, dizer na casa do patrão que, crime de Caixa 2 era mais grave que qualquer outro crime de corrupção; fizesse sua autocrítica e afirmasse que; Caixa 2, só continuaria configurado como crime até o dia em que o criminoso reconheça e peça desculpas em público. Só que não acrescentou: parágrafo único; o criminoso tem que estar convidado para ser Super Ministro de um Governo que tenha como prioridade o combate à corrupção. 
Sempre citada como uma das prioridades de qualquer governo, até porque, lidera o Ranking de aperreio da população de baixa renda, a Saúde pública, agora vai aumentar seu agravamento; responsável por cada dois entre três, Câncer de Mama e de próstata, o veneno do Agronegócio acaba de ganhar status de Ministério, na Agricultura.
Para ser mais fiel ao que prometeu, em retroceder décadas; Bolsonaro resgata um sucesso de 1983; Menina Veneno; ao indicar para o ministério da Agricultura a musa do veneno do Agronegócio.
Pulando de galho em galho, o futuro Presidente, não consegue identificar para onde o vento sopra e mais parece perna esquerda de motorista de carro automático.
O seu "Posto Ipiranga", Paulo Guedes, além de suspeito de fraudes bilionárias; pagou enorme Orangotango ao questionar em reunião com a Nata dos Técnicos do IPEA, sobre o que é "LOA". O cara vai ser o Super da Economia e não sabia o que era "Lei Orçamentária Anual" e, ainda arrotou grandeza que tinha UU$ 380 bilhões para gastar. Peraí; esse foi o montante que Dilma deixou no fundo de reserva internacional. Tá atirando com a pólvora alheia.
Como atestado de imbecilidade diplomática perante o mundo, vejamos o que o seu indicado para o cargo de Chanceler, o maior da diplomacia, revelou como Portfólio teórico: "Globalismo é a globalização econômica que passou a ser pilotada pelo marxismo cultural". Essencialmente é um sistema anti-humano e anticristão cujo objetivo é romper a conexão entre Deus e o Homem, tornando o Homem escravo e Deus irrelevante. O projeto Meta político significa, essencialmente, abrir-se para a presença de Deus na política e na História.
Outra pérola dele; O Trump vai salvar o ocidente, o que já o coloca em conceito pior que o de Aloisio Nunes Ferreira e compromete todo o prestígio da nossa Diplomacia do Barão do Rio Branco até Celso Amorim. Em poucos dias já sujou a imagem do Brasil no Mundo Árabe; China; Cuba; Noruega; MERCOSUL e ONU.
Antes de ser diplomado, ou seja, reconhecido como eleito, o destrambelhado já tem sua primeira grande crise, com o racha no núcleo militar, por disputas de cargos no futuro governo, com a desistência do General Oswaldo Ferreira, que vinha com o Ex Capitão, desde 2017; de continuar na equipe.
Por sua vez, apareceu a segunda pegada de Caixa 2 de Onyx Lorenzony e este já está sendo fritado antes de assumir como Ministro da Casa Civil.
Enquanto isso o paladino da Justiça Moro, bem ao seu estilo, dá mais provas do seu Mau caratismo; em vez de pedir exoneração, saiu de férias para que sua discípula pagasse mico raivoso no depoimento de Lula e, se não bastasse, em menos de 48 horas da vergonha da Juíza Hardt, ele pediu exoneração.
Agora, vamos ver o desmoronar da Doutora perante Lula. A melhor parte foi quando ela perguntou; se o senhor diz que era apenas hóspede, por que o senhor dormia no quarto principal do Sitio de Atibaia?
Lula respondeu: pelo mesmo motivo que eu dormi no melhor quarto do Palácio Real da Rainha da Inglaterra e da Rainha da Suécia também, quando fui  hóspedes delas.
Na enxurrada de tantas notícias desastrosas, até que em fim surge uma para lá de esclarecedora.
Está sendo noticiado na Imprensa Mundial; aqui ainda não; que Cuba e Estados Unidos anunciaram quarta feira, dia 14, sua primeira empresa para desenvolver novos medicamentos contra o Câncer, na Zona Franca do Megaporto de Mariel, em Cuba.
O que ainda não foi noticiado lá fora e, nunca será aqui, é que esta parceria era para ser feita com a Fiocruz, em vez de uma empresa americana, não fossem as manifestações de Junho de 2013, financiadas pela CIA. Pois é; Geopolítica, não é coisa para idiotas.

* Rômulo Rodrigues é militante político