Senar/SE realiza 2ª etapa do Programa Saúde no Campo

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Pessoas aguardam atendimento médico em Campo  do Brito
Pessoas aguardam atendimento médico em Campo do Brito

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 28/11/2018 às 06:49:00

 

O Serviço Nacional de 
Aprendizagem Ru-
ral em Sergipe (Senar/SE) realizou nesta terça-feira, 27, a segunda etapa do Programa Saúde no Campo no município de Campo do Brito. Os pacientes receberam diagnóstico e encaminhamento dos exames realizados no dia 14 de novembro.
O Programa Saúde no Campo aconteceu em duas etapas no povoado Cercado em Campo do Brito. Na primeira etapa, foram realizadas palestras de sensibilização e exames de citologia, PSA e testes rápidos de sífilis, hepatite B e C e HIV. Na segunda etapa, os pacientes recebem os exames e passaram por consultas.
O produtor rural José Batista de Oliveira realizou o exame de PSA e retornou para receber o resultado. "Fiz os exames e o médico disse que deu tudo normal. Foi bom demais o que teve aqui no nosso povoado. Agora é cuidar da saúde".
Segundo o urologista Lucas de Oliveira Malheiros Meira, o câncer de próstata tem cura quando identificado de forma precoce, por isso a importância da realização de exames periódicos.
 "O câncer de próstata é o mais frequente no sexo masculino perdendo apenas para o câncer de pele não melanoma. É um dos tipos de câncer mais implicado com a mortalidade masculina. A doença detectada no início é possível cura. A partir do momento que você detecta estado avançado, só cuidados paliativos", explica Lucas.
A dona de casa Josefa Andrade Cruz também recebeu os exames e saiu feliz com o resultado. "Meu exame deu tudo certo. Foi uma coisa muito boa para a nossa saúde. Tem que se cuidar".
A enfermeira Andreza Silviano atendeu as mulheres que realizaram os exames de citologia. "A gente realizou há uma semana os exames e hoje estamos aqui para realizar o tratamento e entrega dos resultados com encaminhamentos, se houver necessidade. A gente sabe que tem crescido o câncer de colo do útero e de mama, então é importante a realização desses exames porque se for identificado a doença precoce fica mais próximo da cura".
Programa - O Programa Saúde no Campo tem por objetivo conscientizar homens e mulheres do campo sobre o câncer de próstata e colo do útero. Durante ação, são disponibilizadas 100 testes rápidos, 150 exames de citologia e 150 exames de PSA.

O Serviço Nacional de  Aprendizagem Ru- ral em Sergipe (Senar/SE) realizou nesta terça-feira, 27, a segunda etapa do Programa Saúde no Campo no município de Campo do Brito. Os pacientes receberam diagnóstico e encaminhamento dos exames realizados no dia 14 de novembro.
O Programa Saúde no Campo aconteceu em duas etapas no povoado Cercado em Campo do Brito. Na primeira etapa, foram realizadas palestras de sensibilização e exames de citologia, PSA e testes rápidos de sífilis, hepatite B e C e HIV. Na segunda etapa, os pacientes recebem os exames e passaram por consultas.
O produtor rural José Batista de Oliveira realizou o exame de PSA e retornou para receber o resultado. "Fiz os exames e o médico disse que deu tudo normal. Foi bom demais o que teve aqui no nosso povoado. Agora é cuidar da saúde".
Segundo o urologista Lucas de Oliveira Malheiros Meira, o câncer de próstata tem cura quando identificado de forma precoce, por isso a importância da realização de exames periódicos.
 "O câncer de próstata é o mais frequente no sexo masculino perdendo apenas para o câncer de pele não melanoma. É um dos tipos de câncer mais implicado com a mortalidade masculina. A doença detectada no início é possível cura. A partir do momento que você detecta estado avançado, só cuidados paliativos", explica Lucas.
A dona de casa Josefa Andrade Cruz também recebeu os exames e saiu feliz com o resultado. "Meu exame deu tudo certo. Foi uma coisa muito boa para a nossa saúde. Tem que se cuidar".
A enfermeira Andreza Silviano atendeu as mulheres que realizaram os exames de citologia. "A gente realizou há uma semana os exames e hoje estamos aqui para realizar o tratamento e entrega dos resultados com encaminhamentos, se houver necessidade. A gente sabe que tem crescido o câncer de colo do útero e de mama, então é importante a realização desses exames porque se for identificado a doença precoce fica mais próximo da cura".

Programa - O Programa Saúde no Campo tem por objetivo conscientizar homens e mulheres do campo sobre o câncer de próstata e colo do útero. Durante ação, são disponibilizadas 100 testes rápidos, 150 exames de citologia e 150 exames de PSA.