Idosa morre eletrocutada em Poço Verde

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 28/11/2018 às 06:52:00

 

Peritos da Polícia Criminalística do Estado de Sergipe estudam as causas da morte sofrida por Maria Batista de Jesus. As primeiras análises registradas na noite da última segunda-feira (26), mostram que a idosa de 76 anos, moradora do Povoado Lagoa do Junco, no município de Poço Verde, perdeu a vida após receber uma descarga elétrica. De acordo com o boletim de ocorrência emitido pela Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), através do Instituto Médico Legal (IML), no momento do acidente a vítima estava sozinha em casa.
A Polícia Militar, primeira guarnição a chegar no local,  identificou que Maria Batista possuía o costume de cuidar de alguns animais em um terreno anexo à respectiva residência, também de propriedade da família. Indícios indicam que esposo dela minutos antes do choque havia saído na perspectiva de recapturar um animal que havia fugido. Ao retornar se deparou com a idosa deitada no chão, já apresentar sinais vitais e com um fio condutor de energia ao lado do corpo. A equipe de resgate ainda foi acionada, mas sequer deu início ao processo de reanimação.
O óbito de Maria Batista Jesus foi atestado por profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O corpo chegou à sede do IML, em Aracaju, no final da noite por volta das 22h. Este registro é apenas mais um triste episódio registrado neste ano de 2018 no várias regiões do Estado de Sergipe. Em outubro, no dia 02, Luan Santana de Oliveira, de apenas 28 anos, morreu enquanto trabalhava numa obra da Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso) no Povoado Caminho Novo, em Riachão do Dantas, região Centro Sul de Sergipe.
Outros registros - Já no dia 05 de junho uma mulher morreu após receber uma carga elétrica enquanto esticava a extensão de uma máquina de lavar roupas. A vitima de identidade não revelada pelo IML chegou a ser encaminhada para uma unidade hospitalar, mas não resistiu. O fato ocorreu no munícipio de Tobias Barreto. Em janeiro uma jovem turista de 22 anos morreu após receber uma descarga elétrica de um fio no povoado Lagoa Redonda no município de Pirambu.
A jovem caminhava pela  praia e não percebeu o fio energizado enterrado na areia e ao pisar ela acabou recebendo a descarga elétrica. Menos de 10 dias após foi a vez do empresário Jailton Cardoso, de 38 anos conhecido como Jabá, morrer eletrocutado. O trágico acidente ocorreu por volta das 6h em frente a casa da vítima, no município da Barra dos Coqueiros, na região da Praia da Costa. O choque ocorreu após o empresário ter tentado remover um fio de alta tensão que havia se partido e estava pegando fogo em cima de seu carro. (Milton Alves Júnior)

Peritos da Polícia Criminalística do Estado de Sergipe estudam as causas da morte sofrida por Maria Batista de Jesus. As primeiras análises registradas na noite da última segunda-feira (26), mostram que a idosa de 76 anos, moradora do Povoado Lagoa do Junco, no município de Poço Verde, perdeu a vida após receber uma descarga elétrica. De acordo com o boletim de ocorrência emitido pela Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), através do Instituto Médico Legal (IML), no momento do acidente a vítima estava sozinha em casa.
A Polícia Militar, primeira guarnição a chegar no local,  identificou que Maria Batista possuía o costume de cuidar de alguns animais em um terreno anexo à respectiva residência, também de propriedade da família. Indícios indicam que esposo dela minutos antes do choque havia saído na perspectiva de recapturar um animal que havia fugido. Ao retornar se deparou com a idosa deitada no chão, já apresentar sinais vitais e com um fio condutor de energia ao lado do corpo. A equipe de resgate ainda foi acionada, mas sequer deu início ao processo de reanimação.
O óbito de Maria Batista Jesus foi atestado por profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O corpo chegou à sede do IML, em Aracaju, no final da noite por volta das 22h. Este registro é apenas mais um triste episódio registrado neste ano de 2018 no várias regiões do Estado de Sergipe. Em outubro, no dia 02, Luan Santana de Oliveira, de apenas 28 anos, morreu enquanto trabalhava numa obra da Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso) no Povoado Caminho Novo, em Riachão do Dantas, região Centro Sul de Sergipe.

Outros registros - Já no dia 05 de junho uma mulher morreu após receber uma carga elétrica enquanto esticava a extensão de uma máquina de lavar roupas. A vitima de identidade não revelada pelo IML chegou a ser encaminhada para uma unidade hospitalar, mas não resistiu. O fato ocorreu no munícipio de Tobias Barreto. Em janeiro uma jovem turista de 22 anos morreu após receber uma descarga elétrica de um fio no povoado Lagoa Redonda no município de Pirambu.
A jovem caminhava pela  praia e não percebeu o fio energizado enterrado na areia e ao pisar ela acabou recebendo a descarga elétrica. Menos de 10 dias após foi a vez do empresário Jailton Cardoso, de 38 anos conhecido como Jabá, morrer eletrocutado. O trágico acidente ocorreu por volta das 6h em frente a casa da vítima, no município da Barra dos Coqueiros, na região da Praia da Costa. O choque ocorreu após o empresário ter tentado remover um fio de alta tensão que havia se partido e estava pegando fogo em cima de seu carro. (Milton Alves Júnior)