Prefeito Edvaldo Nogueira anuncia programação do Réveillon

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
EDVALDO ANUNCIA ATRAÇÕES PARA A FESTA DA VIRADA NA CAPITAL
EDVALDO ANUNCIA ATRAÇÕES PARA A FESTA DA VIRADA NA CAPITAL

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 29/11/2018 às 06:42:00

 

O prefeito Edvaldo Nogueira anunciou na manhã desta quarta-feira, 28, a programação do Réveillon de Aracaju 2018/2019. Este ano, a festa realizada na Orla da Atalaia, zona Sul da capital, terá como atrações as bandas Samba do Arnesto, Luanzinho Moraes e Chiclete com Banana, além da queima de fogos.
Assim como ocorreu na edição anterior da tradicional comemoração, que marca a chegada do novo ano, o evento será viabilizado através de parcerias com o Governo de Sergipe, por meio do Banco do Estado de Sergipe (Banese) e com o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Aracaju (Setransp). Parcerias estas que, segundo o prefeito Edvaldo Nogueira, foram fundamentais para manutenção da festa.
"Em virtude da crise econômica, estamos fortalecendo esse processo com parcerias. Assim como fizemos com decoração natalina, que contamos com o apoio da Fecomércio, da Energisa, Celse e do setor hoteleiro, vamos fazer com o Réveillon, buscando repetir o sucesso do ano passado, que já foi belíssimo e marcou a todos. A ideia é avançar, trazer mais turistas para passarem o final do ano na nossa cidade, curtindo as nossas belezas, conhecendo os atrativos que temos e festejando a chegada do ano com a tranquilidade que a cidade oferece", enalteceu o prefeito.
Programação - A festa, que ocorre no dia 31 de dezembro, na Orla da Atalaia, se inicia às 21h com o show da banda Samba do Arnesto. Às 22h30 sobe ao palco o cantor Luanzinho Moraes. À meia noite, acontece a queima de fogos e, logo após, às 00h30 será a vez da banda Chiclete com Banana garantir a animação do público.
"Desde o primeiro momento, a orientação do prefeito Edvaldo Nogueira foi que nós tivéssemos atrações artísticas para todos os gostos, todas as leituras possíveis. Então vamos ter a abertura com o Samba do Arnesto, que tem um ritmo muito arraigado às nossas raízes. No segundo momento com Luanzinho, que atrai um público mais jovem e tem dialogado com a contemporaneidade da música e, logo após a queima, teremos o Chiclete com Banana dando ao momento um ar de grande confraternização, quase que um carnaval, prenunciando um novo ano de tranquilidade, paz e muitas vitórias", observou o presidente da Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju), Cássio Murilo Costa. 

O prefeito Edvaldo Nogueira anunciou na manhã desta quarta-feira, 28, a programação do Réveillon de Aracaju 2018/2019. Este ano, a festa realizada na Orla da Atalaia, zona Sul da capital, terá como atrações as bandas Samba do Arnesto, Luanzinho Moraes e Chiclete com Banana, além da queima de fogos.
Assim como ocorreu na edição anterior da tradicional comemoração, que marca a chegada do novo ano, o evento será viabilizado através de parcerias com o Governo de Sergipe, por meio do Banco do Estado de Sergipe (Banese) e com o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Aracaju (Setransp). Parcerias estas que, segundo o prefeito Edvaldo Nogueira, foram fundamentais para manutenção da festa.
"Em virtude da crise econômica, estamos fortalecendo esse processo com parcerias. Assim como fizemos com decoração natalina, que contamos com o apoio da Fecomércio, da Energisa, Celse e do setor hoteleiro, vamos fazer com o Réveillon, buscando repetir o sucesso do ano passado, que já foi belíssimo e marcou a todos. A ideia é avançar, trazer mais turistas para passarem o final do ano na nossa cidade, curtindo as nossas belezas, conhecendo os atrativos que temos e festejando a chegada do ano com a tranquilidade que a cidade oferece", enalteceu o prefeito.

Programação - A festa, que ocorre no dia 31 de dezembro, na Orla da Atalaia, se inicia às 21h com o show da banda Samba do Arnesto. Às 22h30 sobe ao palco o cantor Luanzinho Moraes. À meia noite, acontece a queima de fogos e, logo após, às 00h30 será a vez da banda Chiclete com Banana garantir a animação do público.
"Desde o primeiro momento, a orientação do prefeito Edvaldo Nogueira foi que nós tivéssemos atrações artísticas para todos os gostos, todas as leituras possíveis. Então vamos ter a abertura com o Samba do Arnesto, que tem um ritmo muito arraigado às nossas raízes. No segundo momento com Luanzinho, que atrai um público mais jovem e tem dialogado com a contemporaneidade da música e, logo após a queima, teremos o Chiclete com Banana dando ao momento um ar de grande confraternização, quase que um carnaval, prenunciando um novo ano de tranquilidade, paz e muitas vitórias", observou o presidente da Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju), Cássio Murilo Costa.