Fiscalização é reforçada nas rodovias sergipanas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
POLÍCIAS RODOVIÁRIAS FEDERAL E ESTADUAL REFORÇAM FISCALIZAÇÃO NAS RODOVIAS PARA GARANTIR SEGURANÇA DURANTE OS FERIADOS DE NATAL
POLÍCIAS RODOVIÁRIAS FEDERAL E ESTADUAL REFORÇAM FISCALIZAÇÃO NAS RODOVIAS PARA GARANTIR SEGURANÇA DURANTE OS FERIADOS DE NATAL

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 22/12/2018 às 07:20:00

 

Milton Alves Júnior
Agentes da Polícia Ro-
doviária Federal 
(PRF) deram início na manhã de ontem à Operação Natal 2018, realizada em todas as vias expressas federais as quais cortam o Estado de Sergipe. De acordo com o planejamento da corporação, a meta é fiscalizar até a próxima terça-feira, 25, cerca de dois mil automóveis e identificar possíveis descumprimentos ao Código de Trânsito Brasileiro (CTB). O combate ao comércio de entorpecentes, armas e condução automotiva após consumo de bebidas alcoólicas estão entre as prioridades da PRF. A corporação federal segue utilizando etilômetros (bafômetros) sensíveis ao ponto de captar o nível de álcool possivelmente consumido pelos motoristas sem que haja a necessidade de pôr a boca no equipamento.
Paralelo aos atos infracionais mais constantes praticadas pelos condutores, o objetivo consiste também em coibir condutas criminosas como transporte de drogas, exploração sexual, transporte de armamento sem alvará emitido pelos órgãos de segurança, e condução de crianças sem os devidos equipamentos de segurança. Semelhantemente à outras datas comemorativas, desde as primeiras horas da operação a fiscalização está intensificada nos trechos considerados críticos que correspondem aos municípios de Aracaju, Nossa Senhora do Socorro, São Cristóvão, Maruim, Rosário do Catete, Itabaiana, Estância e Propriá.
Estatísticas levantadas pela corporação mostram que nessas regiões ocorrem os maiores índices de acidentes e de criminalidade no estado e necessitam de fiscalização recobrada. Ainda no que se refere à Lei Seca, a PRF ressaltou que desde o o dia 19 de abril as novas regras trazidas pela Lei 13.546/17, aprovada em dezembro de 2017, que alteraram algumas normas constantes do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), já estão em vigor. Com isso, a punição para o motorista diante destes crimes praticados, na direção de veículo automotor e com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência, está arbitrada de imediato pela autoridade policial, em qualquer um dos casos (morte ou lesão).
Nas rodovias estaduais, a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP/SE), através do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv), também intensifica as vistorias na esperança de minimizar os riscos de ações inconstitucionais. O batalhão estadual também segue multiplicando as vistorias até o próximo dia 25, quando milhares de motoristas e passageiros ainda estarão retornando à cidade de origem. Além dos carros de passeio, a meta é abordar ônibus que realizam o transporte coletivo intermunicipal, caminhões e vans, além de motocicletas e veículos como quadriciclos, carrocinhas e demais peças acopladas. O balanço geral da Operação Natal será apresentada pelas corporações até a próxima quarta-feira, 26.
Precaução - Por meio de comunicado oficial a PRF ressaltou a importância de, mesmo antes de viagens curtas, fazer uma revisão preventiva do veículo, o que inclui a checagem dos pneus, do sistema de iluminação, dos equipamentos obrigatórios, do nível do óleo e do radiador, entre outros itens. Também é fundamental planejar a viagem, buscando evitar, na medida do possível, os horários de pico. Dirigir cansado ou com sono aumenta o risco de o motorista cometer erros. A cada três ou quatro horas de viagem, é recomendável uma pausa para descanso ou revezar a direção do veículo.

Agentes da Polícia Ro- doviária Federal  (PRF) deram início na manhã de ontem à Operação Natal 2018, realizada em todas as vias expressas federais as quais cortam o Estado de Sergipe. De acordo com o planejamento da corporação, a meta é fiscalizar até a próxima terça-feira, 25, cerca de dois mil automóveis e identificar possíveis descumprimentos ao Código de Trânsito Brasileiro (CTB). O combate ao comércio de entorpecentes, armas e condução automotiva após consumo de bebidas alcoólicas estão entre as prioridades da PRF. A corporação federal segue utilizando etilômetros (bafômetros) sensíveis ao ponto de captar o nível de álcool possivelmente consumido pelos motoristas sem que haja a necessidade de pôr a boca no equipamento.
Paralelo aos atos infracionais mais constantes praticadas pelos condutores, o objetivo consiste também em coibir condutas criminosas como transporte de drogas, exploração sexual, transporte de armamento sem alvará emitido pelos órgãos de segurança, e condução de crianças sem os devidos equipamentos de segurança. Semelhantemente à outras datas comemorativas, desde as primeiras horas da operação a fiscalização está intensificada nos trechos considerados críticos que correspondem aos municípios de Aracaju, Nossa Senhora do Socorro, São Cristóvão, Maruim, Rosário do Catete, Itabaiana, Estância e Propriá.
Estatísticas levantadas pela corporação mostram que nessas regiões ocorrem os maiores índices de acidentes e de criminalidade no estado e necessitam de fiscalização recobrada. Ainda no que se refere à Lei Seca, a PRF ressaltou que desde o o dia 19 de abril as novas regras trazidas pela Lei 13.546/17, aprovada em dezembro de 2017, que alteraram algumas normas constantes do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), já estão em vigor. Com isso, a punição para o motorista diante destes crimes praticados, na direção de veículo automotor e com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência, está arbitrada de imediato pela autoridade policial, em qualquer um dos casos (morte ou lesão).
Nas rodovias estaduais, a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP/SE), através do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv), também intensifica as vistorias na esperança de minimizar os riscos de ações inconstitucionais. O batalhão estadual também segue multiplicando as vistorias até o próximo dia 25, quando milhares de motoristas e passageiros ainda estarão retornando à cidade de origem. Além dos carros de passeio, a meta é abordar ônibus que realizam o transporte coletivo intermunicipal, caminhões e vans, além de motocicletas e veículos como quadriciclos, carrocinhas e demais peças acopladas. O balanço geral da Operação Natal será apresentada pelas corporações até a próxima quarta-feira, 26.

Precaução - Por meio de comunicado oficial a PRF ressaltou a importância de, mesmo antes de viagens curtas, fazer uma revisão preventiva do veículo, o que inclui a checagem dos pneus, do sistema de iluminação, dos equipamentos obrigatórios, do nível do óleo e do radiador, entre outros itens. Também é fundamental planejar a viagem, buscando evitar, na medida do possível, os horários de pico. Dirigir cansado ou com sono aumenta o risco de o motorista cometer erros. A cada três ou quatro horas de viagem, é recomendável uma pausa para descanso ou revezar a direção do veículo.