Acusado de matar o ex-sogro é preso em Itabaiana

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
José Wellington é acusado de matar sogro em Itabaiana
José Wellington é acusado de matar sogro em Itabaiana

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 27/12/2018 às 07:10:00

 

Policiais civis da Delegacia Regional de Itabaiana prenderam ontem José Welington Siqueira, o "Ratinho", acusado do assassinato de Odair José dos Santos. O crime foi cometido durante a tarde do último dia 11 de dezembro, no povoado Agrovida, zona rural da cidade serrana.
Segundo o delegado Tarcísio Tenório, o autor confessou a autoria do crime e alegou que vinha sendo ameaçado pela vítima, o ex-sogro, após o término de uma relação amorosa que mantinha com a filha de Odair, uma adolescente de 15 anos. As investigações apontaram que o acusado não se conformou com o fim do relacionamento e não queria devolver alguns pertences da ex-companheira.
Ainda de acordo com o processo investigativo, no dia do crime o acusado pegou uma faca, se dirigiu até a vítima e desferiu diversos golpes contra Odair, que estava assistindo televisão com o filho de dois anos no colo. Diante das evidências, foi representada a prisão e diante do deferimento da sentença, as equipes realizaram a prisão de José Welinghton.
"Com base nos elementos de prova obtidos, representamos pela prisão preventiva do investigado, para garantia da ordem pública. O pedido foi apreciado e deferido durante o plantão judiciário e a prisão efetuada hoje", explicou o delegado, titular da divisão de Homicídios de Itabaiana.

Policiais civis da Delegacia Regional de Itabaiana prenderam ontem José Welington Siqueira, o "Ratinho", acusado do assassinato de Odair José dos Santos. O crime foi cometido durante a tarde do último dia 11 de dezembro, no povoado Agrovida, zona rural da cidade serrana.
Segundo o delegado Tarcísio Tenório, o autor confessou a autoria do crime e alegou que vinha sendo ameaçado pela vítima, o ex-sogro, após o término de uma relação amorosa que mantinha com a filha de Odair, uma adolescente de 15 anos. As investigações apontaram que o acusado não se conformou com o fim do relacionamento e não queria devolver alguns pertences da ex-companheira.
Ainda de acordo com o processo investigativo, no dia do crime o acusado pegou uma faca, se dirigiu até a vítima e desferiu diversos golpes contra Odair, que estava assistindo televisão com o filho de dois anos no colo. Diante das evidências, foi representada a prisão e diante do deferimento da sentença, as equipes realizaram a prisão de José Welinghton.
"Com base nos elementos de prova obtidos, representamos pela prisão preventiva do investigado, para garantia da ordem pública. O pedido foi apreciado e deferido durante o plantão judiciário e a prisão efetuada hoje", explicou o delegado, titular da divisão de Homicídios de Itabaiana.