Ana Lúcia recebe homenagem dos movimentos social e sindical por sua atuação

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 25/01/2019 às 06:43:00

 

Nesta sexta-feira, a partir das 17h, diversas organizações do movimento sindical, social e popular sergipanos estarão homenageando a deputada estadual Ana Lúcia, do PT, que no próximo dia 31 encerra um ciclo de quatro mandatos consecutivos na Assembleia Legislativa. O evento "Café com Ana Lula - Direitos Humanos, Cultura e Resistência! Homenagem a uma Guerreira" acontece na sede do Partido dos Trabalhadores, localizado na Avenida Barão de Maruim, em Aracaju. Na ocasião, a parlamentar receberá um troféu por toda a sua luta em defesa dos direitos humanos e das minorias em Sergipe.
Já no final de 2017, a professora e deputada estadual, por decisão pessoal, definira que não concorreria à reeleição. A sua trajetória como parlamentar, desde o primeiro mandato, em 2002, até hoje, deixa uma forte marca na política de Sergipe por sua atuação firme na defesa dos direitos dos trabalhadores da cidade e do campo, dos aposentados e pensionistas, dos desempregados e de outros setores da sociedade, além da sua luta contínua na defesa dos direitos humanos e das minorias, outra grande marca dos seus mandatos.
"Ana Lúcia é uma referência de luta e de dedicação às causas sociais, dos trabalhadores, das mulheres e dos direitos humanos. Foram 16 anos de mandatos muito intensos, com atuação dentro e fora da Assembleia Legislativa, onde deu vez a voz àqueles que precisavam da sua intervenção. Foram quatro mandatos marcados pela ética, honestidade, competência e compromisso com a luta social, pela educação pública e pela classe trabalhadora, de onde é oriunda. Ana Lúcia é professora e, como já disse, deixando o espaço parlamentar, voltará para as suas origens, para o chão da escola", explica Lídia Anjos, ativista dos direitos humanos e uma das organizadoras do Café com Ana Lula.

Nesta sexta-feira, a partir das 17h, diversas organizações do movimento sindical, social e popular sergipanos estarão homenageando a deputada estadual Ana Lúcia, do PT, que no próximo dia 31 encerra um ciclo de quatro mandatos consecutivos na Assembleia Legislativa. O evento "Café com Ana Lula - Direitos Humanos, Cultura e Resistência! Homenagem a uma Guerreira" acontece na sede do Partido dos Trabalhadores, localizado na Avenida Barão de Maruim, em Aracaju. Na ocasião, a parlamentar receberá um troféu por toda a sua luta em defesa dos direitos humanos e das minorias em Sergipe.
Já no final de 2017, a professora e deputada estadual, por decisão pessoal, definira que não concorreria à reeleição. A sua trajetória como parlamentar, desde o primeiro mandato, em 2002, até hoje, deixa uma forte marca na política de Sergipe por sua atuação firme na defesa dos direitos dos trabalhadores da cidade e do campo, dos aposentados e pensionistas, dos desempregados e de outros setores da sociedade, além da sua luta contínua na defesa dos direitos humanos e das minorias, outra grande marca dos seus mandatos.
"Ana Lúcia é uma referência de luta e de dedicação às causas sociais, dos trabalhadores, das mulheres e dos direitos humanos. Foram 16 anos de mandatos muito intensos, com atuação dentro e fora da Assembleia Legislativa, onde deu vez a voz àqueles que precisavam da sua intervenção. Foram quatro mandatos marcados pela ética, honestidade, competência e compromisso com a luta social, pela educação pública e pela classe trabalhadora, de onde é oriunda. Ana Lúcia é professora e, como já disse, deixando o espaço parlamentar, voltará para as suas origens, para o chão da escola", explica Lídia Anjos, ativista dos direitos humanos e uma das organizadoras do Café com Ana Lula.